Conecte-se conosco

Hi, what are you looking for?

Brasil

Lendárias Drag Queens do Brasil

Conheça um pouco das lendárias Drag Queens e transformistas brasileiras que há décadas contribuem para a história e militância LGBT do país.

Compartilhe!
🕓 7 min de leitura

Conheça as drag queens e transformistas que pavimentaram o cenário LGBTQIA+ brasileiro e estão atuando na cena há décadas.

SILVETTY MONTILLA

Foto: The Drag Series

Silvetty começou a se montar em 1988 na boate Val Show, ela é conhecida nacionalmente e internacionalmente como a maior humorista da cena e proprietária dos melhores bordões como “foca nas jóias”, “quem pode, pode, quem não pode me olha” e vários outros. Sivetty já participou de vários programas da TV, foi dubladora no Super Drags (veja aqui) e atuou no musical Cartola. Em 2014 a rainha lançou seu reality show, Academia das Drags, tendo duas temporada. Em 2017 ela lançou seu livro bibliográfico “Silvetty Montila 30 Anos. É o que tem pra hoje”.

THALIA BOMBINHA

Thalia Bombinha é uma das maiores referências no humor do Brasil, ela participou de diversos programas na TV e ficou extremamente famosa pelos videos “O Viado Veste Pra Dá” e “A Drag a Gozar”, clássicos na internet. A rainha declarara: “Sou uma gordinha de bem com a vida que adora o que faz”.

>  Glitter - Em busca de um sonho
>  YBK | Lola Dvil

MICHELLY SUMMER

Michelly Summer e Elba Ramalho (de preto)

Michelly Summer é travesti e começou a se montar no começo dos anos 90, representante da cena Recifense e uma das maiores referências no humor. Michelly atuou em diversas peças, fez várias turnês com seu stand-up pelo Brasil e shows como sósia da Elba Ramalho, sendo reconhecida pela própria como sua impersonator oficial. A rainha além de já ter trabalhado na companhia teatral de humor Terça Insana, é estilista e tem sua própria linha de roupas, costurando para várias personalidades, como Alcione, por exemplo.

SUZY BRASIL

Suzy Brasil completa mais de duas décadas levando humor ao Rio de Janeiro e Brasil. Suzy também é professor de biologia e começou a carreira em 94. “Posso dizer que Suzy é meu cartão de visitas. Começo as aulas sempre falando na personagem e os adolescentes adoram”. Sobre a origem de seu nome ela declara que: “Tinha que ser um nome escrachado para dar a cara da personagem. Então veio Suzy, que é nome de cachorra. O sobrenome Brasil é por causa desta bagunça toda que a gente conhece”, brinca Marcelo (Suzy) em entrevista pro IGay em 2014. Suzy também é roteirista de vários programas de humor do canal Multishow.

Advertisement. Scroll to continue reading.
>  YBK | MAGIC G
>  YBK | Mamie Vergara

KAKÁ DI POLLY

Kaká Di Polly começou a se montar em 1980, ela é psicóloga e teve seu auge nas boates Corintho e HS nos anos 80/90. Kaká uma vez comentou que “na boate HS, beijei Fred Mercury, dancei com David Bowie e Village People”. Esta era uma boate muito famosa entre celebridades. Na primeira Parada do Orgulho LGBT (1997) policiais queriam impedir que o carro saísse do local, Kaká simulou um desmaio na frente do local desviando foco da policia, para que finalmente conseguissem iniciar a parada.

 

MÁRCIA PANTERA

Marcia Pantera. Imagem retirada do facebook pessoal da artista.

Marcia Pantera é a rainha e percursora do famoso “Bate Cabelo”, com mais de 30 anos de carreira ela é a número 1 deste movimento. Seu show tem direito a escalada, mosh na plateia, retirada de salto e peruca e muita energia. Marcia participou dos filmes Tupiniqueens (2015) e Corpo Elétrico (2017), ela também ficou muito conhecida por ser musa do Alexandre Herchcovitch em seus desfiles dos anos 90.

 

VICTÓRIA PRINCIPAL

Victória Principal começou sua carreira no inicio dos anos 90 na boate HS, ela se tornou uma das maiores referências no estilo “caricata”. Ela foi homenageada em 2018 na Feirinha Cultural LGBT de São Paulo. Ela já participou de vários programas de TV, como o extinto Ridiculos da RecordTV e Casos de Família no SBT.

Advertisement. Scroll to continue reading.
>  Willam revela o verdadeiro motivo de sua expulsão da S4 de Drag Race e outras bombas
>  Academia de Drags S1: Laurie Blue

ALEXIA TWISTER

Alexia Twister. Foto: Alexandre Torquato. Retirada do instagram da artista.

Alexia Twister completa mais de 20 anos de carreira sendo uma das maiores performers e atrizes da cena. Ela pertence ao elenco fixo da Blue Space, famosa boate LGBT de São Paulo, somado a isso sempre está em cartaz com alguma peça teatral.

Alexia é extremamente versátil em seus covers, já se apresentou como Katy Perry, Kylie Minogue, Pink e Lady Gaga, que até postou sobre a rainha em 2013.

DIMMY KIEER

Dimmy Kieer, ou Dicesar como muitos devem conhecer, começou a se montar em 1989 na Corintho. Dimmy teve seu auge ao ser a primeira drag a participar do BBB, na décima temporada do reality show. Depois do programa trabalhou bastante tempo com a Eliana e lançou sua linha de maquiagens em 2011. “Disse isso no dia da minha eliminação, mas era um sonho de muito tempo antes. Sempre quis ter uma linha de produtos assinada por mim e agora que vejo tudo pronto, é um sonho realizado”, disse Dimmy ao saudoso site Ego à época do lançamento.

>  Glitter | Primeira temporada completa (parte 3)
>  YBK | Yala

IKARO KADOSHI

Sasha Velour e Ikaro Kadoshi

Ikaro Kadoshi já tem 20 anos de carreira, muito famosa pelo estilo “Andrógino” marcante da época e sua dublagem impecável. Além disso, se tornou apresentadora do Drag Me As a Queen, programa do canal E!. A rainha foi carinhosamente apelidada de “irmã gêmea de Sasha Velour”, campeã da S11 de Drag Race, as duas se conheceram quando Sasha visitou o Brasil.

NANNY PEOPLE

Nanny People começou sua carreira em 1995. Foi colunista na G Magazine e seus textos eram sempre polêmicos, além disso em 97 foi repórter no programa Comando da Madrugada com Goulart de Andrade. A rainha já participou de vários programa  da TV brasileira, peças teatrais e show de stand-up próprio. Em 2019 Nany atuou na novela da Globo “O Sétimo Guardião”.

Advertisement. Scroll to continue reading.

LEONORA ÁQUILA

Leonora Áquila começou na noite no começo dos anos 90, em 92 participou do “Show de Calouros” do Programa Silvio Santos e ganhou com cinco vitórias. Em 97 ganhou cinco vezes no programa do Raul Gil. Léo também é precursora no mundo drag-music. Em 2012 participou do reality “A Fazenda” da RecordTV.

>  YBK | Aqua
>  YBK | Ariela Moss

SALETE CAMPARI

Salete Campari completa mais de 20 anos de trabalho, sua drag é inspirada na Marilyn Monroe. Salete foi uma das primeiras a se filiar em partidos político visando mudanças reais nos direitos LGBTS.

DANNY COWLT

Danny Cowlt começou a se montar em 1998, com sua estética andrógina já bem definida. O show da Danny é sempre um misto de altas emoções e seu bate-cabelo-com-braço é único.

>  Glitter | Primeira temporada completa (parte 1)
>  YBK | Felicia Stone

PAULETTE PINK

Paulette Pink e Cher

Paulette Pink começou como drag no Sra. Krawitz, se tornando uma grande cover de Cher, sempre de visual impecável. Paulette chegou a desfilar pra Zoomp em 1994/95 de patins com a Marisa Orth. Paulette também participou de vários programas de TV.

VERONIKA

Veronika começou sua carreira em 1992, foi uma das pioneiras do estilo Top Drag. Ela participou de inúmeros programas de TV (desde Hebe a Domingão Faustão), esteve em revistas como Marie Claire e viajou o país inteiro com seu show. Até hoje ela é considerada um dos maiores ícones drags do Brasil.

Advertisement. Scroll to continue reading.

MARCINHA + DIANA FINSK

Marcinha tem mais de 30 anos de carreira e legado como uma das maiores performers do Brasil. A seguir, registro raro da artista no Show dos Calouros do SBT, nos anos 90.

Erick Barreto, ou Diana Finsk, ficou muito famoso nos anos 80 por fazer apresentações em programas em que se transformava em drag durante a performace. Esse é um registro antigo no Programa Silvio Santos.

>  Academia de Drags S1: Lavynia Storm
>  TNT | Capítulo 5: TNTchan

ISABELITA DOS PATINS

Isabelita dos Patins começou sua carreira em 1971: “No meu primeiro carnaval em 71 pensei: o que vou fazer? Como eu patinava desde criança, botei um maiô, um tule na cabeça, pintei a cara de branco e saí patinando na Avenida Atlântica”. Isabelita participou da produção da novela “Explode Coração” em 1996 para ajudar a criar a personagem Sarita. Em 2017 ela foi homenageada pelo Museu do Artesanato do Estado do Rio de Janeiro. Isabelita vai pra sempre fazer falta no carnaval e nas pistas.

MISS BIÁ (falecida)

Miss Biá começou sua carreira no começo dos anos 60, uma época em que não existia boate específica para o público LGBT, apenas muita repressão da ditadura. Biá trabalhou quase 30 anos como maquiador e figurinista da Hebe. A rainha atuou mais de 60 anos na noite. “Nós não saíamos assim montadas. Tinha que levar a peruca na mão. Se botasse na cabeça eles prendiam porque achavam que era prostituição”, conta Biá pro G1 (para conhecer mais dela clique aqui)

Advertisement. Scroll to continue reading.

VERA VERÃO (falecida)

Jorge Lafond dava vida a eterna Vera Verão, personagem que durou 10 anos na “Praça É Nossa”, humorístico do SBT. Vera ainda era destaque de carros alegóricos do carnaval das escolas de São Paulo e Rio de Janeiro (saiba mais sobre a lendária rainha aqui).

 

VEJA TAMBÉM:

>  Silêncio! Tragam minhas queens brasileiras.
>  Cosplay e Drag, o boom da “Drag Cosplayer”

Esta publicação só foi possível ser realizada graças a postagem original da rainha Duda Dello Russo, feita originalmente como thread no Twitter. Suas fontes foram os livros “Babado Forte”, por Erika Palomino; “Devassos no Paraíso”, por João Silveiro Trevisan; “Histótia do Movimento LGBT no Brasil” e o documentário “São Paulo em Hi-Fi”.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Veja Também

Brasil

 Entre para nosso canal do Telegram! “Glitter – Em busca de um sonho” é um reality show do Programa Ênio Carlos da Verdes Mares...

Brasil

 Entre para nosso canal do Telegram! “Glitter – Em busca de um sonho” é um reality show do Programa Ênio Carlos da Verdes Mares...

Brasil

 Entre para nosso canal do Telegram! “Glitter – Em busca de um sonho” é um reality show do Programa Ênio Carlos da Verdes Mares...

Brasil

 Entre para nosso canal do Telegram! “Glitter – Em busca de um sonho” é um quadro que fez parte do programa Ênio Carlos, da...

Propaganda

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2020 © Todos os direitos reservados.