Trinity The Tuck ataca Bolsonaro ao defender Amazônia

“FOD*-SE O PRESIDENTE DO BRASIL”, Trinity The Tuck defende Amazônia e ataca Bolsonaro em suas redes.

Modo Escuro

A proteção da Amazônia é o assunto do momento devido as constantes queimadas que a floresta tem sofrido, que teve apoio “indireto” do atual governo brasileiro capitaneado pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro. Por conta disso várias celebridades e autoridades mundiais tem manifestado suas preocupações com a Amazônia, o que tem gerado vários problemas diplomáticos para o Brasil, incluindo o mais grave que rolou com a França que teve sua primeira dama ofendida por Bolsonaro.

No meio desse babado todo Trinity The Tuck se manifestou em defesa da floresta amazônica e ainda atacou Bolsonaro, confira.

>  AS4 | Trinity The Tuck defende traje "ofensivo" que usou
>  Kennedy Davenport conseguiu pagar a hipoteca de sua casa

“FOD*-SE O PRESIDENTE DO BRASIL!!!! Esses líderes mundiais (incluindo o nosso péssimo presidente) precisam intervir e assumir o comando sem permissão! #SALVEAAMAZONIA.

Eu me sinto tão horrorizado por este mundo! A importância da Amazônia! O povo indígena! Os animais e plantas! As pessoas que vivem nesses países em chamas! Eu choro por vocês! Eu gostaria de ter o poder de intervir!

>  AS4 | Grande final tem reviravolta chocante
>  "Head Over Heels" é o show mais radicalmente queer da Broadway

Depois Trinity ainda complementou sua declaração anterior.

E para esclarecer para que as pessoas não se ofendam… não quis dizer para que os líderes mundiais invadam o Brasil. Quero dizer, resolvam a situação do incêndio. Coloque [as queimadas] sob controle e depois saiam!

Para ler mais babados drags clique aqui.

AS QUEIMADAS NA AMAZÔNIA

O dia 10 de agosto poderá ser classificado como um momento-chave na história recente da Amazônia. Hoje, ele já é conhecido como o “Dia do Fogo”, quando produtores rurais da região Norte do país teriam iniciado um movimento conjunto para incendiar áreas da maior floresta tropical do mundo.

Imagem aérea do desmatamento da Amazônia por queimadas.

As queimadas registradas na Amazônia nos 26 primeiros dias de agosto já superaram a média histórica de incêndios para os meses de agosto completos, segundo dados do Programa de Queimadas do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Especiais). A média para os meses de agosto é de 25.853.

A média para os meses de agosto é de 25.853. Neste ano, somente até o dia 26, já foram mais de 26.795 focos registrados. A média vem caindo ao longo dos dias e, nas últimas 48 horas, foram 861 registrados.

>  Slovakia na DragCon LA 2019
>  Precisamos falar sobre RuPaul e alguns problemas

Desde 2010, o país não registrava um mês de agosto com mais focos do que a média histórica, já que a tendência de queimadas vinha se reduzindo no bioma. No ano de 2010, em agosto foram registrados 57.509 focos. Naquele ano, entretanto, o país estava sob influência de uma seca extrema.

As queimadas têm relação direta com o desmatamento, já que são parte do processo da limpeza de uma área degradada da floresta para pecuária ou agricultura. Na Amazônia, as queimadas são invariavelmente provocadas pelo homem, sem autoignição.

Com informações do UOL, para ler mais clique aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Conecte com




Please enter your comment!
Please enter your name here