Conecte-se conosco

Hi, what are you looking for?

Drag Queens

Who’s That Queen? Srimala

“Espero que os fãs de RuPaul’s Drag Race em todo o mundo abram seus corações e nos assistam na WOW Present Plus”, diz Srimala, da 2° temporada de Drag Race Thailand.

Compartilhe!

Entre pro nosso canal do Telegram aqui!

APADRINHE A DRAGLICIOUS: Ajude a manter a Draglicious viva celebrando a arte drag, doando pelo nosso PIX, chave: draglicious@outlook.com. Ou doe pelo meu PicPay na conta @saullete, o link é: https://app.picpay.com/user/saullete. Ou nos apadrinhe em padrim.com.br/draglicious.

🕓 6 min de leitura

Ela é a esposa do chefe da aldeia e, como tal, chegou com autoridade na segunda edição de Drag Race Thailand, onde venceu o primeiro desafio de passarela da temporada, no episódio inaugural, Re-born This Way, exibido originalmente em 11 de janeiro de 2019.

Para esta tarefa, Srimala precisara confeccionar duas roupas diferentes, a representar sua drag nas idades de dez e 60 anos. Vitoriosa, deixou o palco principal com um vale-presente de 30.000 bahts e a certeza de que o bom trabalho desta primeira semana competitiva prosseguiria na próxima. Será?

Em Under the Rainbow, segundo episódio, esta Rugirl passou raspando ao ficar entre as três piores quando o desafio fora um ensaio fotográfico com pó colorido acrescido da passarela na categoria Rainbow After the Rain.

Na sequência o público conferiu Thai Beauty, episódio três, com esta rainha sendo apenas salva. A falsa tranquilidade seria substituída logo, afinal, o quarto episódio, Mother and Daughter, trouxe consigo o afamado makeover. Com ele, a primeira dublagem pela vida de Srimala, também a primeira tripla desta temporada e a segunda da história de Drag Race Thailand.

Ao lado de Kana Warrior e Kandy Zyanide, Srimala lutou por sua permanência e conseguiu ficar no programa, entretanto, apesar de novamente ser salva no episódio cinco, Hollywood Inspirations, outro lip sync se anunciava, na sexta semana, Power of Speech.

Para o episódio seis, as drags restantes foram divididas em duplas visando a apresentação de um talk show. Emparelhada com Genie, Srimala apresenta o CHIT CHAT Tonight. A empreitada, sem sucesso, a arrastou para mais uma dublagem, agora contra Mocha Diva, que acaba deixando a competição, ao lado de Miss Gimhuay, desclassificada do jogo. Muitas emoções, não é? E tem mais.

Dando prosseguimento a sua montanha-russa pessoal em Drag Race, Srimala consegue a proeza de marcar presença entre as três melhores no episódio sete, Food Lover, e emendar seu terceiro lip sync pela vida no episódio oito, Heavenly Snatch, o Snatch Game. Sentiu a pressão?

Advertisement. Scroll to continue reading.

Caracterizada como Sophia La para o desafio, Srimala desta vez lutou contra Tormai, tendo como trilha-sonora Lady Marmalade, com Pink, Christina Aguilera, Lil ‘Kim e Mya. O desfecho é a melhor parte: ela manda para casa uma rainha com duas dublagens nas costas e vê, de camarote, vale ressaltar, Kana Warrior e Kandy Zyanide retornarem ao jogo. Dá para acreditar?

De qualquer forma, toda Rugirl sabe que, ao vencer o beijo da morte (terceiro lip sync), a qualquer momento o Sashay Away pode chegar. Mas não ainda no episódio nove, Thai Musical. Entre as três piores, Srimala pode suspirar aliviada para arrasar em outra semana.

E assim aconteceu em Family Superheros, mesmo que tudo tenha saído ao contrário do que imaginou. Depois de não se dar bem em uma rotina de exercícios que propôs para um grupo de idosos e de sua passarela (Twin Heroes) não ser bem recebida, adivinha onde Srimala foi parar? Isto mesmo, na dublagem. A quarta.

Infelizmente, This is Me, de Keala Settle, é a triste música de partida desta rainha. Derrotada por Vanda Miss Joaquim, ela encerra sua jornada na segunda temporada de Drag Race Thailand com um honroso sexto lugar. Monmingkwan Muangmeeros, a pessoa por trás da drag, nascida em 23 de setembro de 1990, sabe disto. Eis um dos motivos que me fizeram procurá-lo para uma entrevista exclusiva para esta edição da Who’s That Queen? Confira logo abaixo!

>  Dusty Ray Bottoms revela novos detalhes de seu “exorcismo” e “terapia de conversão gay”
>  RuPaul, A Rainha Filósofa

Srimala: o público brasileiro tem grande dificuldade em acessar informações sobre as drags de Drag Race Thailand. Por que você acha que as Rugirls tailandesas não são tão conhecidas quanto as Rugirls americanas? Eu acho isso triste!

Não só o brasileiro que não sabe, mas muitas pessoas até perguntam sobre esse programa realmente ter acontecido. Eu acho que a razão talvez seja Mama Ru não ter apresentado ela mesma. Mas eu acredito que nossas apresentadoras, Art Arya e Pangina Heals, elas fizeram um excelente trabalho. Eu acho que nós, as drag queens tailandesas, somos muito talentosas, então, espero que os fãs de RuPaul’s Drag Race em todo o mundo abram seus corações e nos assistam na WOW Present Plus.

Quero que voltemos no tempo até o dia exato em que você criou sua drag. Como e quando foi este dia? E os primeiros anos como uma rainha?

Advertisement. Scroll to continue reading.

Eu ganhei meu nome, Srimala, em 2010, de um sorvete feito pela flor. Esse nome me faz sentir uma mulher bonita. Em tailandês, Sri significa extravagância e Mala significa rainha da flor. Também é um nome tailandês muito tradicional. E o YouTube é meu mentor de maquiagem. Eu admiro Jai Sira (ícone drag tailandês).

Pelo que pesquisei, você nasceu em Udon Thani, mas atualmente mora em Bancoque, correto? Em que ponto você decidiu se mudar? O que a motivou a fazer isto e como esta mudança “ajudou” sua drag?

Eu segui meu sonho de ser uma drag queen, entrei em Bancoque e fiz meu sonho se aproximar. Eu fui maquiadora por quatro anos depois de me formar no bacharelado. Em 2019 eu me juntei a segunda temporada de Drag Race Thailand e também competi no concurso tailandês Miss ACDC 2019, o primeiro e único concurso de drag queen na Tailândia (eu consegui o segundo lugar), e agora tive a oportunidade da M Stranger Fox de ser uma drag performer no The Stranger Bar, o primeiro bar de drag da Tailândia. Também tive uma chance de aparecer em séries de TV tailandesas e em muitos programas de jogos.

Quando você soube das audições para Drag Race Thailand? O que a levou a se inscrever no programa?

Sou fã da temporada um e definitivamente quis entrar na temporada dois. Tudo acontece muito rápido. Que bom que eu fiz isso.

A experiência de um reality show é privada, pessoal e intransferível. Dois anos após a segunda temporada de Drag Race Thailand, que análise você faz da sua participação no programa?

O resultado é positivo ou negativo? Para mim é muito positivo. Desde que entrei no programa posso fazer o que quero, então, obrigada por me apoiar.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Quero que me diga quais são, em ordem de importância, seus três momentos favoritos no programa e os dois momentos que, se você pudesse, pediria para que apagassem as imagens para sempre.

Meus momentos favoritos:

1 Quando ganhei no primeiro episódio e eu nunca mais venci de novo, hahaha!

2 Quando eu fui eliminada e o motivo é a minha melhor amiga na passarela comigo. Ela é a maior fã da Srimala e estava lá comigo no primeiro dia (dia da audição) e eu estou mais do que feliz que ela esteve lá no meu último dia também.

3 Num momento de ficar passada, quando minha varinha mágica cantou Let it Go e fez todos no set rirem incluindo um cameraman (pense direito no momento de anunciar o bottom dois).

Se eu pudesse mudar alguma coisa:

1 Perguntas e respostas no episódio seis [mini desafio de leitura]. Desejo responder à pergunta da mesma forma que à Vanda.

Advertisement. Scroll to continue reading.

2 No episódio do Snatch Game of Love não acho que Tormai e eu devêssemos ter feito o lip sync.

Drag Race Thailand vai muito além de um programa de entretenimento, pois é baseado na representação asiática, algo que infelizmente ainda não acontece com muita frequência na televisão. Qual é a sua opinião sobre este assunto?

As pessoas podem dizer o que quiserem, mas para mim, como rainha, fico feliz que a Tailândia seja a primeira representante da franquia RuPaul’s Drag Race.

Drag Race Thailand finalmente foi renovado para uma terceira temporada. Se você pudesse escolher algumas drags para o elenco desta edição, quem com certeza estaria no programa?

É um monte de rainha talentosa, mas eu acho:

-M Stranger Fox, ela deveria ter uma chance para retornar.

-Too Calderone, ela é a rainha plus size que está pronta.

Advertisement. Scroll to continue reading.

-Teana Rose, ela é a mais glamorosa.

>  Who's That Queen? Vinegar Strokes
>  Who's That Queen? Frankie Doom

Srimala: o que falta você conquistar com sua drag que seria a realização de um sonho?

Eu tenho que dizer que nesse tempo não estou pronta. Confiança é a única coisa que eu tenho, sei o que vou servir, mas quando encontro as outras rainhas, eu aprendo muito mais com elas, então, se eu tiver uma chance no All Stars, posso pegar a coroa.

Você com certeza merece retornar no International All Stars.

Por fim, obrigada a todos por me apoiarem. Vocês também podem me ver performando ao vivo no The Stranger Bar, conhecido como a casa da drag queen, em Bancoque, Tailândia.

Muito obrigado pelo seu tempo e carinho, Srimala!

Obrigada!

Advertisement. Scroll to continue reading.

Siga Srimala no Instagram e Facebook.

Compartilhe!

Entre pro nosso canal do Telegram aqui!

APADRINHE A DRAGLICIOUS: Ajude a manter a Draglicious viva celebrando a arte drag, doando pelo nosso PIX, chave: draglicious@outlook.com. Ou doe pelo meu PicPay na conta @saullete, o link é: https://app.picpay.com/user/saullete. Ou nos apadrinhe em padrim.com.br/draglicious.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Veja Também

Drag Queens

“Eu não me candidatei ao emprego. Fui solicitada pela RuPaul. Tive dois dias para me preparar”, diz Delta Work sobre ser cabeleireira de RuPaul...

Drag Queens

“Eu acredito que reality de TV com drag queens veio para ficar. É uma plataforma perfeita para mostrar nossa arte”, diz Samantha Gold, de...

Drag Queens

“Como uma drag queen tailandesa, quero representar as artes, a cultura tailandesa e nossa identidade através de mim o máximo possível”, diz Tormai, da...

Drag Queens

“Nunca fui uma opção, mas sim uma prioridade, portanto, como Argentina fui a única finalista em ambas as temporadas”, diz Sofía Camará, de The...

Propaganda

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2021 © Todos os direitos reservados.