Conecte-se conosco

Hi, what are you looking for?

Brasil

Entrevista: Miss Abby OMG fala sobre Drag Race Holland

“Espero que minha participação abra as portas para outro pequeno Henrique ou para a pequena Abby no Brasil”, Miss Abby OMG fala de sua passagem em Drag Race Holland, como foi transformar seu irmão em drag, como quer inspirar a comunidade drag brasileira e muito mais.

Compartilhe!
🕓 5 min de leitura

É difícil não olhar para Miss Abby OMG e não ouvir o refrão do hino de empoderamento de Christina Aguilera, Fighter. Ao longo da primeira temporada de Drag Race Holland, a performer brasileira ficou no bottom 2 quatro vezes, mandando para casa concorrentes como Megan Schoonbrood, Madame Madness e Sederginne. Apesar disso, ela se recompôs e a vadia abriu caminho até a final – fazendo história como uma das duas finalistas a sobreviver a quatro confrontos de dublagem.

“É muito complicado!” ela diz quando perguntamos se ela valoriza seu título de lipsync assassin de Drag Race Holland.

“Por um lado, isso significa que você pode dublar pra caralh* contra qualquer um, mas também significa que você não está indo muito bem nos desafios. Eu ganhei quatro delas [dublagens], então de certa forma é bom! Tem sido tudo tão mágico, embora tenhamos algumas brigas aqui e ali! Parece minha formatura e minha ressurreição drag”.

Confira a seguir a entrevista completa da Gay Times com a Miss Abby OMG, onde ela abre o jogo sobre suas rixas com as concorrentes, como foi transformr seu irmão em sua irmã drag babadeira, e como ela quer sua participação no programa inspire outras drag queens brasileiras a seguirem seus passos.

Parabéns por estar no top 4 de Drag Race Holland – como é fazer parte da história?

[Risos] É muita coisa! Mas estou me divertindo e foi uma semana ótima com as meninas. Passamos momentos maravilhosos juntas, porque é nosso último capítulo! Foi tudo tão mágico, apesar de termos algumas brigas aqui e ali! Parece minha formatura e minha ressurreição drag.

>  DRH S01E07 | Runway | Maxima, The Rusical
>  Plastique Tiara causa polêmica no OnlyFans

Você lutou por sua vaga naquela final e é oficialmente a primeiro lipsync assassin de Drag Race Holland. Você gosta desse título?

Por um lado, isso significa que você pode dublar pra caralh* contra qualquer um, mas também significa que você não está indo muito bem nos desafios. Eu ganhei quatro delas [dublagens], então de certa forma é bom!

Advertisement. Scroll to continue reading.

Qual é a sua relação agora com as rainhas que você mandou para casa?

Err… isso ainda é uma coisa complicada. Eu me dou muito bem com a maioria das garotas, mas devo dizer que há algumas garotas que são realmente amargas e não falam comigo. Eu acho isso normal. Vou dar-lhes tempo e isso vai sarar. O tempo cura tudo.

Você também entrou em conflito com a Envy porque ela disse seu nome duas vezes no palco principal – como é esse relacionamento agora?

O relacionamento mudou, mas mudou para melhor, devo dizer. Antes da Drag Race era apenas ‘Ei mana, você está linda!’ E agora podemos dizer merdas uma para a outra como ‘Ei mana, isso não está bem. Talvez você devesse tentar isso etc’. Então, estamos nos ajudando a fazer mais e melhor, e essa é a parte boa. Somos mais honestas do que nunca.

>  Entrevista: Envy Peru fala sobre Drag Race Holland
>  Drag Race Holland coroa sua primeira campeã

Você acha que conseguiria vencer o Envy em uma dublagem se tivesse chegado a esse ponto?

Oh, com certeza! Estou amarga porque não me deixaram fazer isso, meu bem. Eu não sei se eu poderia mandá-la para casa, poderia ter sido um empate. Ela era tão boa que nem precisava estar no bottom.

Você é uma das únicas rainhas brasileiras a competir na franquia – por que você acha que mais [drags] ainda não conseguiram entrar no programa?

Advertisement. Scroll to continue reading.

Acho que é porque não existem tantas rainhas brasileiras pelo mundo. E a maioria delas, elas não falam muito inglês. Talvez seja por isso, a barreira do idioma. Além disso, porque a maioria deles mora no Brasil e não há Drag Race Brasil ainda, então acho que elas estão apenas esperando por isso. Espero que minha aparição abra as portas para outro pequeno Henrique ou para a pequena Abby no Brasil que estão me observando agora, que podem estar pensando: ‘Ei, se ela pode chegar à final da Drag Race, eu também posso’.

Nós vimos um lado mais suave em você quando seu irmão entrou na sala de trabalhos e você o montou de drag…

Sim! Isso foi tão fofo. Eu ganhei no momento em que meu irmão entrou.

Como foi transformá-lo em sua irmã drag?

Sempre foi meu sonho, então parecia um sonho ter a irmã mais nova com quem eu nunca tive que brincar. Para ele, também foi um sonho, porque brincamos com esses personagens quando éramos mais jovens e demos vida a esses personagens. Foi muito divertido para ele. Estou muito feliz que ele possa entender agora que drag é divertido!

Ele está pronto para a segunda temporada?

[Risos] O primeiro homem heterossexual em Drag Race!

Advertisement. Scroll to continue reading.

>  Blair St Clair faz história ao estrear em #1 em parada da Billboard
>  Farrah Moan acusa Ariana Grande de roubar seu look e lucrar com ele

Imagine se ele ganhasse?

Isso seria icônico. Acho que seria a mensagem mais bonita, que, ‘Não importa o que você faça, você é meu irmão e eu sempre vou apoiá-lo. Se isso significar aquendar, colocar peitos, salto alto e uma peruca, eu farei isso por você’. Ele é tão maduro e acho que vai inspirar outros irmãos heterossexuais a apoiarem seus irmãos gays. Os fãs adoram meu irmão e há tantas pessoas que me falam sobre isso tipo, ‘Eu também tenho um irmão hétero e ele não me entende, mas eu mostrei a ele o episódio e ele me apóia melhor agora’. Eu fiquei tão feliz que ele fez isso por mim, mostrando um grande ‘foda-se’ para o Brasil, que é tão homofóbico. Já está abrindo portas para outras pessoas, então estou muito feliz com os comentários.

Como você acha que a série impactará a cena drag na Holanda?

Eu acho que já está fazendo tanto, tantas pessoas estão elevando sua drag. Todo mundo precisa elevar sua pepeca, querida!

O que vem por aí para Miss Abby OMG?

Eu adoraria fazer uma turnê mundial com as garotas, e se não, sozinha. Eu quero me concentrar no mundo da moda agora, e fazer minha drag um pouco mais fashion. Estou apenas esperando até que o corona acabe, e quando acabar, ninguém vai parar a Miss Abby OMG!

A passagem de Miss Abby OMG pelo how também foi tumultuada por ataques nas redes sociais, a rainha até pediu ajuda contra isso, leia aqui. Para ler mais entrevistas clique aquiPara ler mais sobre a S1 de Drag Race Holland clique aqui.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Veja Também

Drag Race Holland

Em reunião da S1 de Drag Race Holland Ma’MaQueen é eleita Miss Simpatia da temporada.

Drag Race Holland

Envy Peru aparece em reunião da S1 de Drag Race Holland usando o vestido de 18 mil euros que ganhou.

Drag Queens

ENTREVISTA EXCLUSIVA | Parafraseando Cyndi Lauper: “As drags só querem se divertir”, sendo assim, Sederginne, primeira belga a competir em Drag Race, lança sua...

Babados

Fred van Leer foi parar em hospital após sextape com ele vazar. O apresentador de Drag Race Holland contou tudo que rolou com ele...

Propaganda

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2020 © Todos os direitos reservados.