Conecte-se conosco

Hi, what are you looking for?

Cultura

A Rainha do Ano de Alaska é eleita

🕓 3 min de leitura

Neste domingo, no ultimo dia da DragCon LA aconteceu o tão esperado concurso Drag Queen Of The Year, comandado pela vencedora do All Stars 2, Alaska Thunderfuck. A competição será um evento anual que fechará as comemorações da DragCon e dará a coroa a um artista independente do gênero ou estilo de Drag.

O concurso teve contou com um painel de jurados conhecidos, com as queens Jiggly Caliente, Gia Gunn, Willam, Sharon Needles e Landon Cider, as drags Peppermint e Jackie Beat fizeram participações especiais durante o evento que já na sexta feira estava com os ingressos esgotados.

As participantes eram: Abhora, Astrud Aurelia, Aurora Sexton, Calypso Jeté, Gigi Monroe, Kat Sass, Lyle e Sabbyana. Você pode ler mais sobre as participantes clicando aqui.

>  Pabllo Vittar fala sobre “Flash Pose” com Charli XCX
>  Alaska lança concurso: Drag Queen do Ano
>  DragCon LA 2020 é cancelado por Coronavírus

 

Como o concurso não foi transmitido todas as informações e mídias que conseguimos são dos incríveis fãs de drag que compartilharam e garantiram uma cobertura do evento nas redes sociais. Primeiramente o evento teve cerca de 50 minutos de atraso, mas nada impediu de que a noite fosse uma grande comemoração.

O Show começou com um desfile das participantes, onde todas usavam estampas de leopardo, a marca registrada da nova fase musical da Alaska.

 

Looks da Aurora e Abhora para a entrance com o tema Leopardo.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Após as apresentações as queens fizeram um numero musical ao lado de winner do AS2, ao som das musicas do seu novo album: Vagina.

 

>  Legendary é renovada para segunda temporada
>  DragCon LA 2019: destaques do 1º dia
>  Courtney Act vai comandar reality show de namoro bissexual

Após a performance a convidada special Jackie Beat se juntou a Alaska para uma sessão de perguntas e respostas para as concorrentes, cujo o foco era fazer a plateia rir.

 

Deram então início as performances individuais das participantes, entre os destaques estão Abhora que surpreendeu o público com um número emocionante e totalmente introspectivo e Astrud que cantou, dançou, tocou dois instrumentos além de estar linda.

Após as performances as concorrentes desfilaram com seu look de gala e se preparavam para os resultados finais.

Advertisement. Scroll to continue reading.

O top 3 foi formado por Abhora, Kat Sass e Aurora Saxton e a grande vencedora foi Abhora.

Nós estávamos acompanhando a carreira da Abhora e como seu lado sentimental que vimos interferir em Dragula estava reaparecendo e colocando a queen para baixo. Essa vitória foi mais que merecida, foi um grande impulso para uma artista incrível continuar seu trabalho.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Veja Também

Babados

Yvie Oddly rebateu as críticas de Katya e também do fandom à sua forma de arte, apontando que tem racismo por trás de tanta...

Babados

Adore e Alaska publicaram cartas abertas se desculpando por comportamentos racistas, transfóbicos e problemáticos que cometeram no passado envolvendo suas drags.

Babados

Pela primeira vez, desde que foi excluído da DragCon, James Ross se manifesta sobre atrito com organizadores e suposta ameaça de bomba ao evento.

All Stars 2

Alaska, Detox, Katya e Roxxxy Andrews fizeram uma performance doentia de ‘Read U, Wrote U’ para a quarentena.

Propaganda

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2020 © Todos os direitos reservados.