Conecte-se conosco

Hi, what are you looking for?

All Stars 4

AS4 | Monét X Change está pronta para dominar a indústria da música

🕓 4 min de leitura

A recém-coroada vencedora de ‘RuPaul’s Drag Race’ acaba de lançar seu EP de estreia, ‘Unapologetically [Sem Remorso]’.

Drag queen é popular. Hollywood começou a levar essa forma de arte a sério, com o fenômeno de Drag Race aparecendo em todos os lugares, desde séries de desenho animado na Netflix (Super Drags) até filmes indicados ao Oscar (Shangela e Willam em A Star Is Born).

O mundo da moda também abraçou o drag, com estrelas como Milk, Aquaria e Sasha Velour sentadas na primeira fila, desfilando em passarelas famosas e até realizando programas de curadoria em vários eventos da New York Fashion Week. Então, por que a indústria da música está demorando tanto para abraçar esses artistas?

Tornou-se um rito de passagem para as concorrentes de RuPaul’s Drag Race lançar músicas e videoclipes coincidindo com sua passagem no programa. Todas as quatro finalistas do All Stars 4 lançaram pelo menos uma música e um videoclipe nos últimos dois meses. E esses clipes têm audiência: desde o lançamento em meados de dezembro, o videoclipe de “Pose”, de Naomi Smalls, acumulou mais de 1,1 milhão de visualizações. Ainda assim, enquanto várias rainhas alcançaram o No. 1 em várias paradas da Billboard, nenhuma delas fez uma marca na Hot 100 e na Billboard 200. Já passou da hora da indústria da música convidar artistas Drag à mesa – e Monét X Change, das recém-coroadas vencedoras de Drag Race, está pronta para reivindicar seu lugar:

>  Wigstock: o festival drag de New York está de volta
>  Pabllo Vittar canta na sede da ONU em homanagem à rainha Elizabeth II
>  Barraco Drag: Aquaria Vs. Darienne Lake

É 2019. Nos anos 90, quando RuPaul saiu com ‘Supermodel of the World’, eu não acho que o mundo estava ‘pronto’ para isso, mas sua música era tão boa e tão icônica que eles não tinham outra opção, a não ser respeitá-la. Se você assistiu ao vídeo de ‘Mighty Real’ de Sylvester, você olha para ele tipo: ‘Oh meu Deus, isso aconteceu nos anos 80?’. Ele estava completamente em Drag no vídeo. Mais uma vez, não vou dizer que o mundo estava pronto para isso, mas foi feroz e vocês tiveram que respeitar isso.

Monét espera que seu novo EP visual, Unapologetically, receba o mesmo tipo de reverência. O projeto foi produzido pelo vencedor da ASCAP e escritor indicado ao Grammy Eritza Laues (Michael Jackson, Whitney Houston e Nicky Jam). Ela trouxe uma equipe que inclui o ex-diretor da Atlantic Records A&R Walter Randall (Justin Bieber, Solange), que ajudou a administrar o EP, bem como o escritor / produtor Soundwavve (Lil Kim, J. Cole) e Christopher “Cannon” Mapp (Jahiem Cassie) X Change, que é gerenciada pelo Producer Entertainment Group, co-escreveu as quatro faixas.

Eu acho que eles precisam parar de olhar para nós apenas como drag performers. Olhe para nós, simplesment, como artistas. Você gostou desta música? Se a resposta for sim, então nos apoie!

>  S10 | Billboard entrevista: Blair St. Clair
>  AS4 | Prévia do 1º episódio
>  Stacy Layne Matthews, uma drag queen lendária de RuPaul’s Drag Race

A rainha lista uma mistura de influências para seu novo EP, mas há quatro que ela continua insistindo: SZA, H.E.R., Sylvester e a própria rainha Bey. Na verdade, a terceira música do álbum é intitulada “Beyoncé”, que ela descreve como “club banger”, rindo ela declarou:

Todo homem gay se sente como se fosse a Beyoncé. É nisso que essa música se apoia. Quando você está no espelho se preparando para se encontrar com suas amigas na boate em uma noite de sexta-feira, você fica tipo ‘Bitch, eu sou a filha da puta da Beyoncé.

A outra faixa animada do EP, “There For You”, tem um tom de retroatividade:

Estou canalizando Sylvester para a boate nos anos 80, garota, e aquela peruca de discoteca e toda montação branca. Yassss, a casa vai ao chão, toda ilusão de Sylvester.

No entanto, Unapologetically não é estritamente para as boates. A faixa de introdução apresenta barítonos de ópera de Monet, classicamente treinados, cantando “Ave Maria” declamando sobre sua luta interior com a religião. Ela explica:

Eu ia à igreja e ao ensaio do coral inteiramente montada de Drag igreja era tão amorosa e receptiva à minha carreira de drag. Mas a religião sempre foi algo que eu questionei muito em minha vida. Eu estava tipo, como isso se encaixa em ser um homem gay? Acho que agora cheguei a um lugar em que aceitei isso e amo essa parte de mim mesmo.

>  A Beleza de Bob te Incomoda?
>  #43 | Drag Race AS4E07: Queens Of Clubs
>  AS4 | Monét X Change e Trinity the Tuck vencem o All Stars 4

A faixa que encerra o álbum, “Gently”, ela descreve como “uma música suave, romântica e sexy” é uma homenagem ao encantamento de X Change com o R&B. Ao crescer, ela ficava acordada até tarde com sua tia para assistir Midnight Love no (canal) BET, assistindo a vídeos de artistas como Tamia, Jaheem e Toni Braxton tocando em repetição. Mas apesar de seu amor pelo gênero, Monét inicialmente se sentiu insegura experimentando isso por causa de sua voz naturalmente profunda. A queen explicou:

Eu sou um verdadeiro barítono, então eu nunca pensei que havia uma carreira no maldito R&B para mim. Ninguém quer ouvir isso. Eu acho que quanto mais velho eu fico, mais eu vejo que não é sobre o seu alcance. É sobre a sinceridade do seu tom e falando ao coração com suas letras.

O tempo dirá se Unapologetically dará a Monét sua merecida credibilidade como músico, mas ela está pronta para  receber algum respeito.

Você tem artistas como Pabllo Vittar no Brasil – ele é reconhecido como artista e um belo músico. É assim que eu quero que as pessoas olhem para mim aqui nos Estados Unidos. Acho que tenho as habilidades e o talento para isso. Me leve ao Grammy, garota.

Assista ao álbum visual Unapologetically abaixo. O álbum se destacou nos charts do iTunes após seu lançamento (leia aqui).

Via Billboard.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Veja Também

Entrevistas

As campeãs do All Stars, Trixie Mattel e Monét X Change, falam sobre Secret Celeb Drag Race e como o programa as pegou de...

Babados

Polêmica: as celebridades de Celeb Drag Race são maquiadas por outras drag queens e não pelas suas “professoras” do programa. Entenda o babado a...

RuView

Confira a Ruview com comentários, críticas, vídeos e fotos do episódio de estréia de RuPaul's Secret Celebrity Drag Race.

All Stars 4

Monique Heart revelou que cogitou abandonar as gravações do All Stars 4 na final da temporada. Entenda o babado a seguir!

Propaganda

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2020 © Todos os direitos reservados.