Conecte-se conosco

Barracos Drag

James Ross divulga número de celular de Raven

James Ross cumpre ameaça e divulga publicamente número de Raven.

Compartilhe!

Publicado

on

🕓 2 min de leitura

Após ameaçar divulgar o número de Raven, dentro de 24 horas, caso ela não se desculpasse com a comunidade preta e asiática por fazer blackface/blackfishing e por sua postura racista (leia aqui), James Ross cumpriu sua ameaça e publicou o número da drag queen com a seguinte mensagem:

“Ligue para este número e encomenda chocolate coberto de arroz. Diga que foi eu que os enviei”.

O número de celular da Raven foi ocultado da captura de tela. A drag não se manifestou sobre as declarações recentes de James Ross sobre seu suposto comportamento racista e as acusações de fazer blackface/blackfishing (se maquiar assumindo características de pessoas pretas, seja na maquiagem mais escura, seja no uso de peruca que simule cabelos crespos e tranças).

>  Bob The Drag Queen aponta comportamento racista do fandom de Drag Race
>  Por que Bob não pode ser Bob?

ATUALIZAÇÃO

Raven mandou indireta para James Ross em seu Instagram, após ter tido o número exposto. A rainha publicou no stories uma imagem cheia de estrelas, fazendo referência a mensagem que deixou no espelho na final da segunda temporada de Drag Race, que dizia para Tyra “olhar para as estrelas, pois nunca seria uma”.

Respondendo a provocação de Raven, James postou foto de sua coroação como Tyra Sanchez com a mensagem: “olhe está coroa, pois você nunca teve uma”.

>  Really Queen? com Bianca Del Rio Legendado
>  AS4 | Cinco rainhas negras, cinco desculpas para o fandom de Drag Race ser racista

James então postou o novo número de Raven, já que a rainha precisou mudá-lo após a exposição, com a seguinte mensagem:

“Que triste. Você prefere alterar seu número do que pedir desculpas às pessoas que ofendeu. Não se preocupe. Chame seu assistente, melhor amigo, protetor pessoal pra fugir ou morra. Eles parecem muito bons para uma vadia morta. Encomende chocolate coberto de arroz. Diga a eles que eu que os enviei”.

James recentemente expôs que mesmo postando sobre Black Lives Matter a produção de Drag Race é racista, leia aqui. Para mais notícias envolvendo Tyra Sanchez clique aqui. Para ler mais notícias sobre o racismo presente em Drag Race e em seu fandom clique aqui.

Compartilhe!

Saullete é preto, gay e comunicólogo que criou a Draglicious com o intuito de compartilhar com outros fãs seu amor pela arte drag e por Drag Race. Além de informar e entreter seu público, Saullete levanta discussões relevantes para amantes da arte drag e para a comunidade LGBT.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2020 © Todos os direitos reservados.