Aquaria revela conselhos de Sharon, dramas sobre a final e seus planos como vencedora

Modo Noturno

Contemplem sua nova rainha! A drag de 22 anos de Nova York (e protegida de Sharon Needles) Aquaria acaba de arrebatar a coroa como a vencedora da 10ª temporada de RuPaul’s Drag Race. A confiante e, às vezes, controversa rainha dos visuais surpreendeu a todos os que duvidavam que ela era somente looks sem nenhuma substância. A vencedora do Snatch Game e incrível dançarina arrasou episódio após episódio, tornando-se a mais jovem rainha na história de Drag Race.

A VH1.com falou com Aquaria sobre o final da temporada e o que ela tem debaixo da manga como a nova dona da coroa.

VH1: Você se sentiu pressionada após o desempenho de Sasha Velour no ano passado, tendo que preparar surpresas e acrobacias para a final?

Aquaria: Em minhas performances na vida real, às vezes eu uso revelações, truques de mágica e piadas, mas especialmente para esta final, havia um precedente tão grande definido por Sasha e pelas temporadas anteriores que mostraram que, obviamente, essas coisas são sempre muito divertidas.

Acho que todas nós quatro, em certo sentido, sentimos que, se não o fizéssemos [revelações] e alguém contra o qual estávamos competindo fizesse e fosse ótimo, estaríamos ferradas por não incluir esses elementos. Infelizmente, acho que nos colocou em uma mentalidade um pouco errada indo para o lipsync. Tudo foi muito “maldita se você fizer, amaldiçoada se não o fizer”. Todas nós parecíamos idiotas no começo com todas as nossas revelações, que eu queria entrar parecendo a mais maluca. Mas, ao mesmo tempo, algumas dessas coisas obviamente levam a finais desnecessários.

>  Bob defende Monét contra produtora de turnê

V: Sim, essa expectativa é lamentável.

A: Tipo, se eu não tivesse nenhuma revelação e Eureka estivesse ao meu lado, peruca após peruca e roupa atrás de roupa… não importa o quão boa dubladora ou dançarina eu seja. Esses momentos de surpresa serão entretenimento para o público e a câmera. Se você não incluir algum ponto de interesse em sua dublagem, estará correndo um grande risco de não se sair bem. Para as quatro finalistas, que trabalharam tanto durante quase um ano para chegar a este ponto, não iríamos nos entregar e perder isso facilmente sem fazer o que é pelo menos óbvio.

[As pessoas pensam que] meu único mérito é quantas curtidas têm minhas fotos online, o que eu acho que não é uma representação precisa da minha drag…

V: Você tinha uma tonelada de seguidores no Instagram ao entrar no show. Isso era uma vantagem ou uma pressão adicional?

A: Ter o apoio de mais pessoas do que menos é definitivamente encorajador. Eu sabia que havia muitas pessoas que estavam dispostas a me ajudar a me preparar para o show e me apoiar durante a jornada. Mas entrando, há o precedente de que “Oh, ela é apenas uma drag de Instagram”… o que quer que isso signifique.

[As pessoas pensam que] meu único mérito é quantas curtidas têm minhas fotos online, o que eu acho que não é uma representação precisa da minha drag, pois estou muito envolvida na minha comunidade e me apresentando Nova York à fora. Eu acho que algumas pessoas não sabem disso, mesmo com todas minhas publicações performando. Mas há uma grande expectativa de se dar bem se você já tem todas essas pessoas consumindo seu trabalho por anos e anos. É por isso que entrei sabendo que tinha que impressioná-las e deixá-los orgulhosas.

>  Uma Década de Drag Race | S3 | Stacy Layne Matthews

V: Você recebeu algum conselho da sua mãe drag, Sharon Needles, antes de entrar em Drag Race?

A: Sou alguém que não pede ajuda, apenas sugestões. Também fui extremamente cautelosa para não contar a ninguém que eu estava no programa ou que tinha mandando minha inscrição. Então, quando eu falei com ela antes de sair [para filmar], a maioria das sugestões dela eram coisas de última hora. Ela sabe que eu sei como me comportar em uma situação como essa – que eu continuaria positiva e aproveitaria todas as oportunidades que me fossem dadas. Sharon concordou que eu deveria fazer Melania Trump para o Snatch Game, mas ela sugeriu que no meio do desafio eu virasse meu cartão para revelar “Caitlyn Jenner” e mudar minha voz. Eu definitivamente acho que poderia ter sido hilário, mas foi uma sugestão que eu não segui. Quando eles só lhe dão quatro perguntas, reduz o tempo que você consegue brincar.

H: Você e Miz Cracker tiveram algum atrito no começo com o drama de serem parecidas, mas vocês duas parecem estar mais próximas. Como vocês se acertaram?

>  AS4 | Monet e Trinity denunciam imagem racista criada por fãs brasileiros

A: Eu sabia que não continuaria a me sobressair e a crescer na competição se eu estivesse ligada a Cracker. Ela também não iria crescer se eu estivesse remoendo esses sentimentos em relação a ela. Por isso, foi importante para nós deixarmos isso de lado e sermos as melhores que poderíamos ser. Nós duas queríamos ganhar da melhor forma possível.

V: Então agora que você ganhou a coroa, o que você gostaria de realizar com ela?

A: Eu participei de Drag Race a fim de alavancar ainda mais minha carreira, viajar pelo mundo e performar para todos os meus fãs. Para mim, drag é fazer as pessoas felizes e proporcionar diversão. Eu queria me dar a oportunidade de fazer drag da forma mais legal que eu conseguisse. Mas eu também entendo que ter esse título significa muito mais, então eu quero ser uma líder em todos os sentidos. Quando se trata de defender o título, definitivamente há muito mais em mim. Existem muitas áreas da vida em que eu posso me destacar, então mal posso esperar para superar as expectativas das pessoas.

Preparativos de Aquaria para participar da S10 de Drag Race

Aquaria se preparando para entrar em Drag Race
Escolhendo tecidos.
Costurando.
No telefone com Sharon Needles.
Fazendo as malas.
Rascunhos.

Post realizado por Saulo Adelino e Giuliana Palumbo. Original aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Conecte com




Please enter your comment!
Please enter your name here