Conecte-se conosco

Hi, what are you looking for?

Celebridades

RuPaul não se importa em parar de fazer drag queen

“Se eu nunca mais voltar a me montar não vou nem ligar” – RuPaul.

Compartilhe!
🕓 2 min de leitura

É meio chocante no começo. Não que o rosto sem maquiagem de RuPaul não seja bonito: a pele é impecável e levemente marcada por sardas. De certo modo, é até melhor – mais convidativo, com uma sinceridade mais aberta do que a persona de diva que o tornou a drag queen mais famosa do mundo há duas décadas.

“Se eu nunca mais voltar a me montar não vou nem ligar. Não tem essa importância toda para mim. Nunca teve”.

Hoje, ele está vestido com um terno listrado, com três botões abertos, deixando à mostra o peito liso. É assim que ele se veste quase sempre. E esta não é nem a maior mudança em RuPaul no momento. Se estivéssemos com ele quando se tornou uma grande estrela, em 1993, estaria bebendo. E fumando. Haveria uma chance de que tivesse tomado ácido no dia, e certamente estaria envolvido com maconha, uma vez que foi um fumante dos 10 aos 39 anos. E, claro, haveria o fato de este homem negro de quase 2 metros de altura estar trajando vestido e peruca.

>  Bob convoca drag queens para produzirem a própria turnê
>  Pearl revela porque RuPaul foi responsável por seu comportamento apático na S7

Aquele antigo RuPaul é irreconhecível se comparado ao que me encontrou em um café em West Hollywood às 7h da manhã de uma sexta-feira recente. Muitas vezes ele tem de esperar a academia abrir, às 5h. A sessão de meditação ou caminhada começa às 6h30.

O RuPaul a que você assistia fazendo dueto com Elton John nos anos 90 jamais aparecia na TV vestido como homem, mas o Ru – como ele se apresenta, e como é chamado por fãs e amigos – se mostra desmontado, sem trajes e enfeites. O ofício de drag agora é papel dos concorrentes do bem-sucedido reality show RuPaul’s Drag Race (exibido nos Estados Unidos no canal VH1).  Aos 60, ele está plenamente realizado e afirma não beber desde 1999.

“No momento, faço mais sucesso do que quando surgi. Já passei muito da minha cota”.

>  S11 | RuPaul's Drag Race está manipulando seu público
>  Para RuPaul, mulheres cis e trans não podem participar de Drag Race

Entrevista cedida à Mac McLelland para a Rolling Stones em novembro de 2013.

Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Veja Também

Drag Queens

ENTREVISTA EXCLUSIVA: Foi aqui que pediram por um top five? La Yoyi, drag chilena, quinto lugar na S1 de The Switch Drag Race, é...

RPDR

Em vídeo, Mama Ru convida drag queens a se inscreverem para a décima quarta temporada de RuPaul's Drag Race.

Celebridades

“No que me diz respeito, Drag Race salvou minha vida”, Cameron Diaz é a celebridade mais recente a expressar seu amor por RuPaul’s Drag...

Destaques

Asia O'Hara mediou um bate papo sobre racismo, igualdade e excelência negra com as últimas campeãs negras de Drag Race: Monét X Change, Yvie...

Propaganda

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2020 © Todos os direitos reservados.