Conecte-se conosco

All Stars 5

James Ross explica ataques à Shea Coulee, Drag Race e fandom

James Ross explicou seus ataques recentes à Shea Coulee e o porquê de ter publicado spoilers da final do All Stars 5: para atingir a rainha, o fandom racista e a produção de Drag Race que tanto mal lhe causaram.

Compartilhe!

Publicado

on

🕓 8 min de leitura

James Ross explicou seus ataques recentes a Shea Coulee e o porquê de ter publicado spoilers da final do All Stars 5, era algo planejado há anos. Confira a seguir os textões, que foram publicados com a seguinte legenda “Oh, com certeza tenho seu apoio, Shea Coulee”.

James compartilhou sua interação com Shea em um dos posts dos spoilers de que ela havia vencido RuPaul’s Drag Race All Stars 5.

Shea: Eles literalmente filmaram TODAS AS TRÊS COMPETIDORAS VENCENDO. Essa imagem prova absolutamente nada. Há coisas MUITO melhores que você poderia estar fazendo com seu tempo, em vez de estragar o que poderia ser um grande momento. Cresça.

James: Oh, ele está raivoso raivoso. Parabéns pela vitória, mano.

Shea: Eu não estou RAIVOSO raivoso. Eu estou MUITO desapontada por ter batalhado por você contra estes fãs racistas para apenas virar as costas e você intencionalmente me fazer parecer maldosa. Você diz no seu perfil que “Rainhas Pretas Importam” e é assim que você mostra isso? Faça sentido, por favor…

James: Oh, acredite, tudo fará sentido em alguns dias.

Então Ross compartilhou uma mensagem que Shea o havia enviado de forma privada.

“Eu não vou te atacar nos comentários porque não quero que isso seja um grande babado para entreter os fãs, mas eu tinha que falar minha verdade. Eu, honestamente, não sei o que vai rolar na sexta-feira (resultado da final do AS5), mas isso não é legal. Eu sei que você tem exposto a produção, mas eu sempre separei isso conforme desenvolvo minhas opiniões, e SEMPRE respeitei você pelo incrível trabalho que realizou na segunda temporada. Meu sentimentos foram genuinamente machucados, Tyra. Eu não sei o que fiz para você, para tentar arruinar este momento para mim”.

>  O casamento de Tim, Latrice Royale, e Chris
>  Aquaria revela conselhos de Sharon, dramas sobre a final e seus planos como vencedora

Então, James compartilhou os seguintes textos.

MISSÃO: 3 pássaros, uma pedra

OBJETIVO:

  1. estragar (com spoiler) a final do (AS5) para o fandom
  2. irritar a produção
  3. revidar a Senhorita Coulee

Por anos eu tenho sido atormentada, agredida e machucada. Eu expressei isso diversas vezes para a produção, para o fandom e minhas companheiras competidoras de Drag Race. Diante de tudo continuei sorrindo, mantive o silêncio e fiquei focada, mas cheguei ao limite. É hora de revidar. É hora de igualar o placar. Vocês podem achar que meus métodos de revidar são um pouquinho extremos, essa é sua opinião; eu acho que é bem inteligente. Todos sabem que nunca devemos revelar nossas fontes, mas se você já leu, você sabe. Dito isso, é hora de fazer sentido.

PÁSSARO 1: O FANDOM

Vocês são racistas, ponto final. Por anos, vocês disseram as piores coisas. Vocês julgaram, criticaram e roubaram de rainhas pretas como se não tivesse amanhã. Vocês são twinks (gays novos) privilegiados (e adultos crescidos) que acham que suas idéias são as únicas aceitáveis. Vocês arruinaram meu reinado. Dia após dia. Vocês diziam que era meu comportamento que causou tanto ódio, mas eu acredito que não. Nada que fiz foi gratuito e foi apenas reação às suas ações. Mas vocês não querem falar disso. Apenas sobre o que fiz. Até hoje vocês espalham rumores. Como o rumor de bombardeio à DragCon. Eu nunca ameacei ninguém. Assim como eu disse ao FBI e ao Esquadrão de Bombas de LA, vocês podem beijar meu c*. Eu não quebrei nenhuma lei, eu nunca fui presa, nenhum mandado foi expedido. Então vocês podem superar isso.

Mas eu sei que não vão e tenho certeza que algum twink privilegiado vai mencionar isso de novo nos comentários. VSF. Se vocês não gostam de mim, me digam exatamente porque estão aqui. Vocês foram marcados para satisfazerem meu desejo por vingança. Eu tinha que vocês pagarem de alguma forma e garoto, eu consegui! O placar agora está igual. Este é seu aviso final para me deixar em paz, vocês não fazem ideia do que sou capaz de fazer em seguida. Eu vou para o meu mundo e vocês para os seus. Se você realmente não gosta de mim, clique agora no botão para deixar de me seguir. Número de seguidores não significa nada para mim. Eu prefiro qualidade no lugar de quantidade. Fique longe da minha página e eu não produzirei tanto caos. Entendeu? Entendido? Ótimo.

>  Por que a Netflix demora para legendar Drag Race?
>  Velório de Morgan

PÁSSARO 2: PRODUÇÃO

Por anos eu pedi ajuda, deixando vocês saberem sobre minha experiência e dificuldades com seu fandom racista. Sabendo como resolver isso, eu recorri a vocês para apoio. Nós sabemos que a melhor forma de fazer os fãs entenderem ou se identificarem comigo é me colocando diante das câmeras em vários projetos, para que eu mostre minha verdadeira personalidade sem o estresse da competição. Competição que venci de forma justa.

Vocês nunca deram seu apoio. Na verdade, toda vez que recorri a vocês, vocês diziam que estavam trabalhando em algo para mim, depois de alguns anos comigo cobrando vocês disseram q eu tinha que me mudar para Cali que teria coisas rolando para mim. Bem, me mudei para Cali e o que vocês fizeram? Ignoraram-me, me afastaram. Disseram estar muito ocupados. Antes de mudar para Cali a única oportunidade que vocês me deram foi participar da segunda temporada de Drag Race, mas veja, vocês deram aos meus concorrentes derrotados (nenhum preto) a primeira oportunidade na primeira temporada. Colocaram eles de volta na tela, os mostraram mais. Mas não parou só ai. Vocês fizeram questão de colocar minha concorrente (Raven) em tudo que produziam. Mas ótimo para ele, eu fiquei feliz por ele, mas há espaço suficiente para todo mundo. Mas nos seus olhos há espaço apenas para suas preciosas rainhas brancas.

Vocês deram um jeito de eu não ter lugar na mesa e alimentaram o ódio dos fãs. Vocês só me ligavam quando precisavam das campeãs e neste caso não tinha outro jeito além de me incluir. Então criei minha própria mesa, comecei a produzir meus próprios projetos. Deixei vocês por conta própria. Mas eu tinha que revidar vocês, vadias. Qual a melhor forma de irritá-los do que revelar a informação que preferem manter confidencial. Eu divulguei spoiler da final? Sim. Isso foi errado? Sim. Eu me sinto mal? Não, de forma alguma. Eu estou, honestamente, bem satisfeita e posso deixar vocês de verdade. Apenas parem de fingir que vocês se importam com rainhas pretas e vidas negras. Vocês nunca se importaram. Caso vocês não saibam, o movimento Vidas Pretas Importam não começou apenas este ano. Talvez vocês estivesse muito ocupados planejando suas festas Trump é uma Vergonha e festas galas, para notar, conhecendo vocês bem, certeza que votaram nele. Mas se vocês estão mudando de verdade e se importam com rainhas pretas, então vocês terão que fazer muito mais que posts para me convencer. De fato, compartilhe com algumas rainhas negras as mesmas oportunidades que dão para as brancas fanfavorite. Por ora, este placar está igualado. Odiarei ter que retornar.

>  S12 | I’m That Bitch (feat. Nicki Minaj)
>  S11 | Runway | Looks da Grande Final

PÁSSARO 3: SHEA COULEE

Oh Shea. Por onde eu começo? Primeiro vamos falar das suas mensagens e comentários. Posso acrescentar, essa é a primeira vez NA VIDA que você escreve para mim, conversa comigo, ou vem diretamente a mim. Você afirma que não sabe o que me fez, mas eu tenho certeza que que você sabe exatamente por virou um alvo. Você afirma que “batalhou por mim contra estes fãs racistas”, mas não é real. Nunca ouvi uma vez sequer você saindo em minha defesa ou me apoiando. No entanto, o que vi foi você encorajando ódio assim como as outras rainhas quem encorajaram ódio para ganhar seguidores de um fandom que já me odeia. Você pode dizer que nunca fez isso, mas você fez.

Veja, quando todos diziam que ameacei bombardear a DragCon (que eu nunca ameacei ninguém) em vez de vir conversar comigo como Bob fez (e sempre faz), você e Monet foram ao Twitter incitar ainda mais ódio, mentiras e rumores. Você me atacou. Seu tweet desencadeou mais tweets de ódio e você nunca fez menção a eles. Essa era sua oportunidade de ir “batalhar por mim contra estes fãs racistas”, mas você o fez? Não. Você se engajou com eles, lançando mais e mais ódio. Você sabia o que estava fazendo quando tuitou tais coisas, assim como eu sabia o que estava fazendo quando estraguei sua coroação com spoilers. Mas, de qualquer forma, você venceu. Então problemas.

Nós rainhas pretas temos que ficar unidas, certo? Mentira, onde estava este mesmo sentimento quando você e Monet estavam tuitando sobre este Rei Preto? Certo, foi o que pensei. Então não use essa merda comigo. Brinque na loteria, não consigo, garotinho. Não estou aqui para brincadeiras. Eu esperei pacientemente por dois anos, silenciosamente sentada a espera, pronta para finalmente o dia que iria te revidar (ou semana, eu diria). Você já devia saber que eu estava te cercando. Você precisou de duas tentativas para conseguir aquilo que conquistei em uma (vencer Drag Race). O nível da sua performance não se iguala ao meu. Você nunca irá capturar uma audiência como eu. Isso é o que eu chamo de nascer com talento natural.

Agora este placar está igualado e podemos rir e conversar sobre mais tarde quando você deixar seus sentimentos extravasarem; ou podemos apenas seguir caminhos distintos e nunca mais conversar um com o outro. Isso é contigo. Minha consciência está limpa. Por favor, mantenha em mente o que um grande rapper disse certa vez, “Não sou assassino, mas não me provoque. Vingança é como a alegria mais doce, próximo a conseguir uma boceta”. Não cruze meu caminho. Não me ataque. Não seja essa rainha. Vocês drags sempre reclamam do que estou fazendo, mas nunca percebem que este rei apenas está reagindo ao que vocês tem feito. Eu me incomodo com minhas coisas, eu fico no meu canto. Talvez você deva fazer o mesmo.

Mantenha meu nome longe da sua boca. Nunca citei seu nome antes disso e nunca teria chegado em tais termos se você não tivesse feito o que fez. Então, antes de colocar a culpa em mim, assuma a responsabilidade por suas ações. Lembre-se sempre, aquilo nunca foi “uma contagem regressiva para a implosão de minha carreira”, como você colocou tão eloquentemente, mas uma contagem regressiva para este dia que eu te paguei de volta. Acredite, eu faria de novo. Eu posso latir, mas acredite, eu certamente mordo.

B.O.O.M.

Aproveite seu reinado. Eu sei que vou. A ideia que você vai lembrar desse golpe pelo resto de sua vida me satisfaz de formas que você nunca vai compreender. Espero que isto tenha feito sentido. Ah e diga a sua amiga Monet, que ela ainda está na minha lista de alvos. Eu estou esperando, pacientemente, a hora de revidá-lo. É melhor vocês, garotinhos, aprenderem. Eu não dou a mínima e quero sangue.

>  Barraco Drag: Tatianna expõe Tyra Sanchez no Twitter
>  DRUK S1 | Baga Chipz explica por que "não basta ser bonita" no show

Monét: Que merda é essa? Que porra?

Shea: A contagem regressiva para a carreira dela implodir.

A contagem regressiva em questão era para um novo site de “Tyra Sanchez” que iria ser lançado na época, mas que nunca rolou.

James é uma pessoa ferida. É importante que a gente saiba seu lado da história, pois o que vemos por aí, seja de RuGirls ou de outros veículos, são apenas ataques, dizendo o quanto ele é odioso. Mas nunca deram espaço para Ross falar de suas dores, ele é vítima do racismo e ódio do fandom há anos. Eu não concordo com todos os métodos de exposição dele, ele erra em vários momentos. Ainda assim merece ser ouvido. Se quem o ataque ao menos o deixasse em paz, já seria uma grande conquista.

Para ler mais notícias envolvendo “Tyra Sanchez” clique aqui.

Compartilhe!

Saullete é preto, gay e comunicólogo que criou a Draglicious com o intuito de compartilhar com outros fãs seu amor pela arte drag e por Drag Race. Além de informar e entreter seu público, Saullete levanta discussões relevantes para amantes da arte drag e para a comunidade LGBT.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2020 © Todos os direitos reservados.