The Vixen | Os dois pesos e duas medidas do racismo em Drag Race

"Onde estão as passarelas de excelência negra?”

Modo Escuro

Pt1 | Pt2

Uma coisa é ter cinco rainhas negras na corrida de RuPaul, mas você precisa reconhecer os dois pesos e duas medidas trabalhando contra elas.

Nós tivemos cinco garotas negras [na décima temporada de RuPaul’s Drag Race], então tivemos desafios como Trailer Trash e Country Couture. Uma garota de cabelos loiros e olhos azuis pode colocar jeans e uma camiseta e parecer toda americana, mas nós fazemos isso e parecemos com o gueto. Não podemos nos safar das mesmas coisas.

>  A Bandeira Escondida
Look de The Vixen para a passarela Country Couture.
>  The Vixen retruca fãs que a compararam com Valentina

A excelência negra precisa ser celebrada no show. Nós todos sabemos que Ru ama Diana Ross, mas nós tivemos duas temporadas onde havia passarelas de Madonna e desafios de Cher. Nem todos nós parecemos Madonna ou Cher.

Você não pode dizer que é uma corrida justa se os desafios não reconhecerem os dois pesos e duas medidas. Espero que eles reconheçam que o campo de jogo não está nivelado e ajam de acordo.

>  S10 | Barraco entre The Vixen e Aquaria

Espero que o show se torne mais autoconsciente sobre isto. E o mesmo para rainhas de gêneros diferente. Espero que as rainhas trans tenham mais de uma plataforma e tenham mais voz e sejam mais bem-vindas no programa.

Espero que o Drag Race tome conhecimento desses problemas e realmente tome medidas.

Fique ligada no site para a próxima matéria do Especial do Orgulho LGBT com The Vixen para a Pride.

Curta minha página reserva no Facebook, a principal foi excluída: Dragliciouz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Conecte com




Please enter your comment!
Please enter your name here