Escola impede aluno de fazer drag em show de talentos, “é ilegal”

Modo Noturno

Um adolescente foi proibido de fazer drag, porque sua escola diz que é ilegal.

Lewis Bailey, 14 anos, planejava realizar uma coreografia com dublagem usando salto alto e uma longa peruca prateada, tendo passado semanas praticando com sua família. Sua mãe, Natalie, 37 anos, disse que a escola alegou que era ilegal para menores de 18 anos participarem da competição como drag.

O adolescente, que se inspirou em RuPaul’s Drag Race, disse que não estava sendo aceito por ser quem ele é e se sentiu “de coração partido e confuso” com a decisão da Castle High School e da Visual Arts College em Dudley.

Ele tinha planejado dançar um medley que ele tinha criado com seu padrasto, incluindo canções de Little Mix, Ariana Grande e RuPaul. Seu traje incluía um blazer floral e saia combinando, com salto alto que sua avó havia comprado para ele. No entanto, os professores puseram um fim aos seus planos no dia anterior ao show de talentos.

>  S11 | Barraco Drag: Plastique e Ra’Jah pt2

Lewis disse: “Eles alegam que é porque é ilegal, mas acho que o motivo real é que eles não me aceitam por quem eu sou. Estou com o coração partido e confuso. Depois de todo o esforço que coloquei nisso, isso abalou muito minha confiança”.

Bailey Lewis e sua mãe, Natalie.

Michelle King, a diretora da escola, disse: “Castle é uma escola inclusiva que celebra a diversidade. Com relação a apresentação de nosso aluno Lewis Bailey no show de talentos de fim de período, tomamos a decisão de que não era adequado para a idade, nem para o aluno nem para o público-alvo, seu grupo de colegas, que Lewis aparecesse como drag. Nós entendemos que Lewis queria aparecer ao estilo de RuPaul, cujo estilo de performance é caracterizado por linguagem forte e insinuações sexuais”.

>  Uma Década de Drag Race | AS1 | Mimi Imfurst
Bailey Lewis e sua mãe, Natalie.

“Nós convidamos Lewis para aparecer no show como cantor e ficamos felizes por ele se vestir da maneira que quisesse. Lamentamos não tê-lo comunicado antes, mas acreditamos que não é apropriado que os jovens realizem drag. O programa de TV de RuPaul exige que os concorrentes tenham uma idade mínima de 18 anos. Nossa decisão foi tomada inteiramente com base na adequação à idade, com sensibilidade tanto para Lewis quanto para seus colegas.”

Lewis, que é gay, disse que estava “sendo verdadeiramente eu mesmo” quando se apresenta como drag. Sua mãe disse que ele costumava ser tímido, mas seu novo passatempo o ajudou a sair de sua concha.

>  Barraco Drag: Yvie Vs. Raja e Aquaria

“Não há lei sobre se passar por uma mulher e dançar. Não encontramos nada em lugar algum que diga isso e, de qualquer forma, é um show de talentos da escola, não uma competição”, disse ela.

“Sua performance para o show de talentos era vestir-se como uma garota e dançar. Não há palavrões, nenhum comportamento atrevido, nada além do limite. A escola é muito multicultural e acredito que a escola acha que alguns dos pais não vão gostar. Mas as pessoas devem poder fazer o que querem e ser quem elas querem ser. Eles realmente abalaram sua confiança. Eles derrubaram sua confiança para zero”.

Bailey Lewis e sua mãe, Natalie.

Com informações do The Times e Daily Mail.

DEIXE UMA RESPOSTA

Conecte com




Please enter your comment!
Please enter your name here