Connect with us

Hi, what are you looking for?

Mundo

Maldição da Primeira Vitória: Franquias de Drag Race

Uma maldição silenciosa e sedutora ronda as franquias do Ruverso: a do primeiro win. Entenda como ela age e quem são as suas vítimas.

Compartilhe!

Entre pro nosso canal do Telegram aqui!

APADRINHE A DRAGLICIOUS: Ajude a manter a Draglicious viva celebrando a arte drag, doando pelo nosso PIX, chave: draglicious@outlook.com. Ou doe pelo meu PicPay na conta @saullete, o link é: https://app.picpay.com/user/saullete. Ou nos apadrinhe em padrim.com.br/draglicious.

🕓 3 min de leitura

Dentre as muitas maldições que rondam o Ruverso, uma delas é bastante frequente nas sete franquias internacionais de RuPaul’s Drag Race, e mesmo assim, passa quase despercebida pelo público e as próprias drag queens, afinal, admita para mim: você notou que quem vence o primeiro desafio principal da temporada não leva a coroa para casa?

A maldição nasce no dia oito de outubro de 2015, na estreia de The Switch Drag Race – El Arte Del Transformismo. Botota Fox ganhou e acabou, mais tarde, saindo do programa em segundo/terceiro lugar, semelhante ao que aconteceu na edição seguinte, The Switch Drag Race: Desafío Mundial.

Gia Gunn, Fernanda Brown e Luz Violeta foram as vencedoras da primeira semana competitiva, porém, seus destinos acabaram sendo, por ordem, como runner-up, quinta e nona colocada.

Indo do Chile à Tailândia chegamos ao nome de Année Maywong. Winner do desafio de costura do episódio inaugural, Contestant’s Story, cruzou a linha de chegada em segundo/terceiro lugar.

Ao lado dela, Angele Anang, Katy Killer e Srimala sagraram-se como as melhores de Re-Born This Way, exibido em 11 de janeiro de 2019. Na época, Angele e Katy sobressaíram-se na sessão de fotos. Srimala arrebatou o desafio de passarela, mas ficou em nono lugar na segunda temporada de Drag Race Thailand. Katy teve menos sorte e fora a terceira eliminada, apesar de retornar ao jogo e ser finalista. Angele quebrou a maldição pela primeira vez e abocanhou, justamente, o prêmio principal.

Ao lado desta rainha tailandesa encontramos The Vivienne, segunda e, por ora, última Rugirl a escapar da maldição do primeiro win, ao dominar a passarela com dois looks (cidade natal/Rainha Elizabeth II) no debute de RuPaul’s Drag Race UK, em três de outubro de 2019.

Na temporada seguinte, no mesmo desafio, apresentado no dia 14 de janeiro de 2021, infelizmente Asttina Mandella reacendeu a chama da maldição ao garantir sua primeira vitória e arrumar suas malas no episódio três, Who Wore it Best? E você, leitor, viajará agora comigo direto para o Canadá e Holanda.

Advertisement. Scroll to continue reading.

>  Segunda temporada de Canada's Drag Race é anunciada
>  Runálise: Primeira Eliminada das Franquias de Drag Race

Rita Baga ganhou o desafio número um de Canada’s Drag Race, de dois de julho de 2020. Adivinha seu desfecho? Exatamente, como segundo/terceiro lugar, parecido com Janey Jacké, vencedora do desafio de passarela de Land of The Queens, o começo de Drag Race Holland, do qual ela saiu, sozinha, como segunda colocada.

Keta Minaj, da temporada dois, quase chegou lá, entretanto, após ganhar o show de talentos e angariar mais duas vitórias, foi injustamente eliminada e amargou um quarto lugar, mesma posição da próxima vítima desta maldição.

O calendário marcava o dia primeiro de maio deste ano quando G’day G’day G’day inaugurou RuPaul’s Drag Race Down Under. Karen from Finance serviu os dois melhores looks pedidos nas categorias nude e cidade natal, respirou aliviada e marcou seu lugar no jogo com a posição de segunda/terceira/quarta colocada.

Agora, só nos resta Drag Race España com a vitória de Hugáceo Crujiente, em Bienvenidas a España! Aqui a meta consistia na feitura de uma roupa com materiais não convencionais. Vitoriosa, ela não repetiu o feito e despediu-se do reality show em quinto lugar.

>  S1 | Temporada Completa
>  Who's That Queen? Leona Winter

Com ela a maldição repousa até encontrar uma drag novamente por aí. Será que a próxima “felizarda” virá da terceira temporada de RuPaul’s Drag Race UK? Quem sabe da segunda de Canada’s Drag Race ou da primeira de Drag Race Itália? Vamos aguardar, Dragliciosa!

Compartilhe!

Entre pro nosso canal do Telegram aqui!

APADRINHE A DRAGLICIOUS: Ajude a manter a Draglicious viva celebrando a arte drag, doando pelo nosso PIX, chave: draglicious@outlook.com. Ou doe pelo meu PicPay na conta @saullete, o link é: https://app.picpay.com/user/saullete. Ou nos apadrinhe em padrim.com.br/draglicious.

Click to comment

Deixe uma resposta

Veja Também

Rumores

Confira os rumores, que são possíveis spoilers, de RuPaul’s Drag Race S14 que estréia em 7 de janeiro de 2022. Tem muita reviravolta!

Canada's Drag Race

Um inesquecível baile de formatura resulta numa das melhores dublagens da temporada. Confira a resenha do oitavo episódio de Canada's Drag Race S2.

Canada's Drag Race

Confira os looks que as rainhas desfilaram na runway “Cool Mon” do oitavo episódio de Canada’s Drag Race S2. Quem merece Toot e Boot?

Season 14

Assista ao Meet The Queens de RuPaul's Drag Race 14.

Advertisement

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2021 © Todos os direitos reservados.