Conecte-se conosco

Hi, what are you looking for?

Drag Queens

S13 | Quem é Symone?

“Para mim, drag não é uma fuga. É tudo”, conheça um pouco mais de Symone competidora da S13 de RuPaul’s Drag Race.

Compartilhe!

Entre pro nosso canal do Telegram aqui!

APADRINHE A DRAGLICIOUS: Ajude a manter a Draglicious viva celebrando a arte drag, doando pelo nosso PIX, chave: draglicious@outlook.com. Ou doe pelo meu PicPay na conta @saullete, o link é: https://app.picpay.com/user/saullete. Ou nos apadrinhe em padrim.com.br/draglicious.

🕓 3 min de leitura

Conforme nos preparamos para acompanhar a nova temporada de RuPaul’s Drag Race, podemos conhecer um pouco mais das rainhas de seu elenco, seja nas redes sociais, Meet The Queens ou entrevistas que elas tem concedido por aí. Então em nosso “ESQUENTA DA S13” é hora de conferir a entrevista de Symone para a EW.

>  Asia | Carta de amor para a comunidade LGBTQ
>  S12 | Rock M. Sakura desabafa sobre críticas de fãs

Symone sabe que ela é bonita. Isso fica claro ao percorrer seu feed cuidadosamente organizado do Instagram, repleta de editoriais extensos, ou quando, depois de elogiar seus looks nos primeiros minutos após conhecê-la, ela diz (com uma piscadela) que é “muito divertido – o mais divertido” ser a mais bonita em toda a terra do drag. Mas, como sua querida irmã Gigi Goode, Symone se inclina para uma estética confortável para que ela possa puxar o tapete quando você menos esperar.

“As pessoas são sempre bonitas e sabem como montar um visual, é fácil fazer isso, por isso é sempre divertido virar isso de cabeça para baixo”, diz a nativa do Arkansas, que lembra regularmente (e com alegria) de perturbar espaços rurais com seus amigos em uma cidade pequena demais para conter a excelência que fervilha dentro dela. Como, por exemplo, a vez em que ela invadiu um Walmart vestida de Whitney Houston, sentou em cima de uma pilha de caixas de refrigerantes e posou enquanto um companheiro tirava fotos de alta costura.

“Você tem que fazer sua própria diversão, então saíamos em drag em nossos looks e tirávamos fotos, perturbaríamos a paz e zombaríamos da loucura que é o Arkansas … apenas para nos entreter”.

Para Symone, ouvir aquela centelha rebelde permitiu que ela desse vida ao artista drag que existia dentro de si, não apenas como uma saída criativa, mas como um reflexo de seu verdadeiro eu. É imediatamente claro que há menos separação entre a “personagem” drag e a alma genuína do que com muitos de seus colegas. Como uma criança introvertida crescendo no estado republicano dos EUA, Symone era reconhecidamente tímida, muitas vezes se retirando para seu quarto para absorver as influências culturais pop na TV. Essa tábua de salvação para o mundo exterior não moldou uma estética construída como um traje, mas destacou sua verdadeira identidade.

Advertisement. Scroll to continue reading.

“Para mim, drag não é uma fuga. É tudo”.

>  S11 | Yvie e Brooke trocam mensagens de carinho
>  Jaida Essence Hall agradece apoio e carinho durante pandemia do coronavírus

Depois de crescida, ela encontrou sua família drag, a lendária House of Avalon, em Arkansas, e eventualmente os seguiu para Los Angeles, onde ela foi capaz de prosperar como uma artista com a base de um espaço seguro com sua família escolhida – que, ela diz, fez ficar mais fácil se preparar para o maior concurso de drag televisionado do mundo graças a uma rede de conexões e, sim, opiniões de como ela deveria ser. Mas, no final das contas, a arte de Symone é toda sobre Symone, e fazer as coisas exatamente como ela quer, sem compromisso.

“Estou deslumbrante, maravilhosa, linda! Mas muitas pessoas tendem a pensar que isso é tudo que sou capaz de fazer. Você definitivamente vai conhecer o lado mais engraçado e idiota da Symone. Eu tendo me soltar quando estou numa apresentação com mais energia, mais boba e sendo completamente eu mesma. No drag e no palco, essa é a vadia”.

Diz ela, chamando suas coaretas e bordões de assinatura de “Symoneismos”, que os fãs logo começarão a amar. Como, por exemplo, a cativante sopa de vocabulário que ela usa para descrever sua trajetória até agora:

“Não é uma jornada, não é um … destino. Viagem, seja o que for, você sabe o que estou dizendo. Apenas coloque as palavras juntas. É muito isso”.

>  S13 | Rumor | Spoilers do 11º episódio
>  S12 | Elenco oficial da temporada

O instagram da queen: @the_symone. Para ler mais notícias da S13 clique aqui.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Compartilhe!

Entre pro nosso canal do Telegram aqui!

APADRINHE A DRAGLICIOUS: Ajude a manter a Draglicious viva celebrando a arte drag, doando pelo nosso PIX, chave: draglicious@outlook.com. Ou doe pelo meu PicPay na conta @saullete, o link é: https://app.picpay.com/user/saullete. Ou nos apadrinhe em padrim.com.br/draglicious.

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: RuPaul’s Drag Race decreta: 13 é número da sorte – Persona | Crítica Cultural

Deixe uma resposta

Veja Também

All Stars 6

E veio aí um desafio de atuação inspirado em "American Horror Story”! Confira a resenha do sexto episódio de RuPaul’s Drag Race All Stars...

Drag Queens

Elas formam uma família de 13 Rugirls que atendem por um único nome: Miss Congeniality. Qual delas dublou mais em Drag Race? Quem foi...

All Stars 6

Confira a prévia do sexto episódio de RuPaul’s Drag Race All Stars 6.

All Stars 6

Scarlet Envy fala sobre sua passagem em RuPaul’s Drag Race All Stars 6: as consequências de sua saída chocante, seus pensamentos sobre as críticas...

Propaganda

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop.

Contato: draglicious@outlook.com

Draglicious 2021 © Todos os direitos reservados.