Carmen Carrera expõe Caitlyn Jenner em seu Instagram

Modo Noturno

Carmen Carrera, mulher trans ativista que participou da terceira temporada de RuPaul’s Drag Race, usou seu Instagram para expor Caitlyn Jenner, acusando-a de descaso com a comunidade trans, utilizando-a somente para auto-promoção. Confira a seguir.

Prints publicados no Instagram

Print da esquerda
Caitlyn: Hey, é a Caitlyn, nós precisamos conversar. Em vez de colocar coisas negativas na imprensa, sobre mim, que machuca o que tenho feito, você deveria se informar sobre o que tenho feito de verdade. Me liga que te atualizo.
Carmen: Olá, Caitlyn, bom dia. Embora eu esteja feliz que alguém tenha colocado um pouco de senso em você, por favor, não esqueça como eu cheguei até você com ideias para levar esse movimento adiante e como você disse que ajudaria, mas você nunca fez nada. Se você quiser jantar para se desculpar e se acertar comigo, vamos fazer isso. Menos conversa, mais ação. Eu acabei de pousar em LA e estarei aqui durante o fim de semana até a próxima quinta. TMZ está me implorando por uma outra entrevista, dessa vez no estúdio, então talvez um encontro com você ajude. Algo para pensar. Se cuida, abraços.

Print da direita
Sophia: Caytlin gostaria de conversar com você. Me liga.
Carmen: Claro aqui meu número.
Sophia: Nós vimos o texto.
Carmen: Ah sério? Interessante.

Legenda do Instagram

“Olha, eu tenho uma personalidade muito amigável, especialmente quando me preocupo com alguém. Eu conheci Caitlyn Jenner em sua casa em Malibu quando ela fez a primeira transição. Eu ofereci a ela uma incrível cesta de presentes com coisas sentimentais para ajudá-la na transição, nunca pedi uma foto ou mesmo uma vaga no reality show cancelado, porque eu queria mostrar que realmente me importava e queria uma amizade com ela para ajudá-la a crescer. Irmandade. Eu me disponibilizei muito (até mesmo oferecendo meu conselho sobre como feminilizar sua casa quando fui perguntada por seus gerentes de produção, porque ela não sabia). Eu também perguntei se ela queria me ajudar a espalhar a igualdade em toda a América Latina, porque eu sabia que era um grande trabalho que eu não poderia fazer sozinha. O que eu descobri foi que o ego desta senhora é muito grande sem motivo e ela é a pessoa mais egoísta que eu já conheci. Ela até disse na minha cara que ela “queria ser a número 1”, o que quer que isso signifique. Fazer trabalho humanitário significa que você tem que ser realmente humano. Honestamente, o que ela faz ativamente todos os dias para pessoas trans? E por que ela leva crédito pelo que as ativistas reais estão fazendo? Quem é ela mesma? Uma heróina atlética aposentada que virou estrela de reality show, que agora está roubando crédito da comunidade trans já marginalizada para seu próprio benefício público? Deus, por favor, proteja-me porque eu sei que tenho a boca grande quando tenho que falar a verdade. Eu não posso mais ficar quieta e me recuso a beijar alguém ou temer outra pessoa, especialmente quando eu posso ver através da besteira. Caitlyn Jenner se você quer ser uma heróina de verdade, corra alguns triatlos e doe o dinheiro para essas organizações LGBTQ que realmente precisam. Seja ativa conosco, SEJA HUMILDE e deixe sua “celebridade” ficar no banco de trás. Seja quem você realmente é, em vez de quem você acha que precisa ser para ganhar mais popularidade. Eu não vou deixar você tirar vantagem do meu povo. Além disso, como você é muito covarde para se comunicar, não envie sua ajudante para lidar com seu trabalho sujo. Ela é tão falsa quanto você é. Sophia Hutchins (a assessora de Caitlyn)”

>  S3 | Divulgação

Post original

Listen, I have a very out going personality, especially when I care about someone. I met Caitlyn Jenner at her house in Malibu when she first transitioned. I gifted her an amazing gift basket with sentimental things to get her through her transition, never asked for a photo or even for a spot on her now cancelled reality show because I wanted to show that I genuinely cared and wanted a friendship with her to help her grow. Sisterhood. I made myself very available (even offering my advice on how to feminize her living space when I was asked by her production managers because she didn’t know). I also asked if she wanted to help me spread equality throughout Latin America because I knew it was a big job I couldn’t do alone. What I found was this lady’s ego is way too big for no reason and she’s the most selfish person I’ve ever met. She even told me to my face that she “wanted to be #1”, whatever that means. Doing humanitarian work means you have to actually be a human. Honestly, what does she actively do everyday for trans folks? And why does she take credit for what real activists are doing? Who even is she?.. A retired athletic hero turned background reality star, who is now stealing credit from the already disenfranchised trans community all for her own public benefit? God please protect me because I know I got that east coast mouth when I gotta speak the truth. I cant stay quiet anymore and I refuse to kiss someone’s butt or fear someone else especially when I can see right through the bs. @caitlynjenner if you want to be a real hero, run a few triathlons and donate the money to these LGBTQ organizations who really need it. Be active with us, HUMBLE YOURSELF and let your “celebrity” take a backseat. Be who you really are instead of who you think you need to be to gain more popularity. I will not let you take advantage of my people. Also, since you’re too much of a coward to communicate, please do not send your sidekick to handle your dirty work. She’s just as fake as you are. @hutchins_sophia 🙃

Uma publicação compartilhada por Carmen Carrera (@carmen_carrera) em

DEIXE UMA RESPOSTA

Conecte com




Please enter your comment!
Please enter your name here