Conecte-se conosco

Season 03

Dragula | Elenco da terceira temporada é revelado

Publicado

on

The Boulet Brothers Dragula é um reality show de competição que busca as melhores drags supermonstros do mundo. O show é apresentado e produzido pela dupla de drag queens dos EUA The Boulet Brothers. Com duas temporadas já realizadas, a tão esperada terceira temporada está programada para estrear no próximo mês.

As rainhas da nova temporada são: Priscilla Chambers, Maddelynn Hatter, Maxi Glamour, Louisianna Purchase, Yovska, Evah Destruction, St. Lucia, Violencia Exclamation Point, Dollya Black, Landon Cider, o drag king, e Hollow Eve, a mulher cis da temporada.

>  Game | Dragula vs Rupaul’s Drag Race | Resultado Segundo Round
>  Dragula | Rumor | Suposto elenco da terceira temporada

Assista a seguir o vídeo de apresentação do elenco da nova temporada.

>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 06

Para ler mais notícias sobre Dragula clique aqui.

Compartilhe!

Saullete é preto, gay e comunicólogo que criou a Draglicious com o intuito de compartilhar com outros fãs seu amor pela arte drag e por Drag Race. Além de informar e entreter seu público, Saullete levanta discussões relevantes para amantes da arte drag e para a comunidade LGBT.

Propaganda
1 Comment

1 Comment

  1. Renan Canuto

    12 de julho de 2019 at 09:53

    Minhas Faves Yovska e Evah Destrution ♥

Deixe uma resposta para Renan Canuto Cancelar resposta

Destaques

Dragula S3 | Comentários e looks da grande final

Publicado

on

Hello uglies! Nós voltamos com mais um comentários e looks de Dragula e hoje temos a tão esperada final do programa! Nosso top 3 é talentosíssimo, caso queira relembrar seus feitos e históricos dentro do programa não deixe de ler a retrospectiva de cada um: Dollya Black, Landon Cider e Priscilla Chambers.

Tivemos uma batalha complicada até essa final, o elenco era talentosíssimo e os desafios exigiam que todas as participantes saíssem um pouco de sua caixinha. Antes do episódio começar, tivemos a melhor cena de abertura da temporada, que contou com a participação de Biqtch Puddin e Vander Von Odd, as supermonsters ganhadoras das edições passadas, em uma referencia bizarra aos três reis magos, que aqui eram quatro bruxas que levavam suas oferendas, Drac a coroa, Biqtch a água suja que usou em sua performance filth, Vander o espelho que usou em sua performance Horror e Swanthula levava o cetro.

Nessa final, as Boulets relembraram alguns momentos do programa, como as mortes de algumas queens. Diferente das outras finais do programa, dessa vez os participantes puderam falar um pouco sobre seu look antes do floorshow, essa mudança, na minha opinião, tirou um pouco da surpresa de algumas apresentações, mas, por outro lado, nos deu um embasamento interessante para entender melhor o conceito de cada um.

>  Dragula S03E02 | Floorshow | Vampiros & Burlesque
>  Dragula | Primeira temporada: melhores momentos

 

GLAMOUR

Dollya Black

Começando com Dollya Black, nossa representante da Black Haus apostou em um vestido preto com aplicações de pedrinhas da 25 de março. Para a surpresa de todos a melhor parte de seu Glamour foi sua performance, onde sua personagem percebe que não possui a coroa e se mata. O vestido é bem simples, não possui contraste entre as aplicações e o tecido (coincidentemente o mesmo problema do Glamour de Victoria Elizabeth Black, sua mãe drag). O destaque estava por conta de sua pele albina e o tecido que imitava a pele, mas que na verdade só fez o look parecer barato. No geral, é um look, uma maquiagem bonita, mas esperávamos mais de alguém que pontuou muito no cartão de crédito para participar do programa. TOOT!

Esse look merece: 3.5 coroas!

Landon Cider

Nosso rei pegou a referencia musical, mas conseguiu deixar ainda mais glamourosa. É uma interpretação muito interessante, as aplicações no tecido combinando com os pontos de glitter na maquiagem formavam um dialogo interessante e a chuva de purpurina fechou muito bem essa narrativa. O ponto alto do visual é, sem duvidas, o corte diferente e sofisticado, mesmo não tendo me surpreendido muito é inegável que houve um pensamento estratégico e conceitual para que essa performance acontecesse. TOOT! 

Esse look merece: 3.5 coroas!

Priscilla Chambers

Esse é um exemplo claro do que esperamos do Glamour do programa, Priscilla sem duvidas teve a performance mais interessante da categoria, além de trazer uma silhueta volumosa e memorável, seu look contava uma história, fazendo referencia á sua luta contra as drogas, entre as pedrarias tinha algumas pilulas e o detalhe amarelo representava um vomito, tudo bem pensado e bem construído. Minha única ressalva foram as ombreiras que ficaram um pouco contrastantes em relação a qualidade do tecido e sua estruturação, mas isso não deixa o look nem um pouco menos do que incrível! SHOOT!

Esse look merece: 4 coroas!

 

FILTH

Dollya Black

Aqui não julgaremos os looks, comentaremos alguns pontos das performance, começando com Dollya, que representou uma bruxa em um ritual macabro onde matava um bebê e bebia seu sangue. Bem, isso abre uma discussão interessante sobre o Filth, minha categoria preferida da competição. Seria necessário fazer algo realmente repulsivo, pra valer? Como a Biqtch bebendo água do balde em que acabara de limpar o chão do palco, etc. Pois as performances envolvendo próteses e bonecos sempre me passam uma impressão mais leve do que eu realmente gostaria de sentir. Enfim, a queen me surpreendeu bastante pois estava interpretando muito bem, com trejeitos bem construídos, sorrisos macabros, tudo o que faltava em alguns floorshows durante a competição Dollya nos entregou nessa final.

>  Landon Cider, o primeiro Drag King em um reality americano
>  Dragula | Boulet Brothers anunciam terceira temporada e mês de estreia

Landon Cider

Nesse momento tudo o que eu falei sobre filth de verdade caiu por terra. Landon provou que o repulsivo também pode ser construído com uma história bem contada. Como um incel depravado, que molesta sua boneca sexual, brinca com catarro e urina em um potinho, o king conseguiu criar o cenário perfeito para um desconforto abordando a masculinidade nojenta e pervertida. Essa foi uma das performances mais interessantes do show e sem duvidas a categoria onde eu mais tinha curiosidade para ver o rei.

Priscilla Chambers

Inspirada em sua mãe, Priscilla nos entregou uma dona de casa nada clássica. Sem se importar com os insetos em sua roupa, raspando a perna em uma bacia com restos de comida e no final a grance cena onde ela entorna tudo em sua cara. Nessa performance a queen nos entregou TUDO. Foi o clássico Filth de contorcer o estomago e segurar o vomito, o tipo de coisa que as Boulet procuram e o publico gosta de ver,

HORROR

Dollya Black

Horror e a categoria mais importante, pois encosta diretamente no tema principal do programa. Dollya conseguiu causar a surpresa logo em sua entrada, um vestido feito de peles costuradas e rostos. Bem, de certa forma conseguimos até enxergar algo fashion nessa modelagem e tudo mais, porém, apesar de ter gostado e acreditar que fique marcado para sempre na história do show, Dollya tinha uma missão nessa temporada, sair da sombra da Victoria e andar com suas próprias pernas, levar o rosto de sua mãe, fazendo uma referencia ao iconico look cenobite de Vic, é um exemplo claro de como não se afastar da imagem da sua família. Outro ponto que preciso levantar é a necessidade da roupa de baixo estar aparecendo, se fosse uma referencia a cueca roxa do episódio Hospital do Horror talvez fosse algo engraçado e irônico, o que não foi o caso. TOOT!

Esse look merece: 3.5 coroas!

Landon Cider

Landon seguiu sua linha criativa de contar uma história, repetindo a ferramente de usar uma história ja existente e mudar o seu final. Dessa vez como um homem de lata que desistiu de ir até Oz e decidiu pegar o coração ali mesmo com a pequena Doroty. A ideia é muito boa, algo que dificilmente alguém pensaria, porém, vamos ser sinceros, toda a expectativa de ficar assustado ou achar o visual/performance apavorante não foi superada. É um conceito muito interessante, muito bem construído e performado, não me deixou aterrorizado, mas sem duvidas ganha pontos pela criatividade. TOOT!

Esse look merece: 3.5 coroas!

Priscilla Chambers

Priscilla tentou, colocou tudo oq ue considerava assustador, a mascara macabra que revelava um rosto assustador, as asas, o salto que imitava pé de cabra, mas nada funcionava 100%. O look parecia inacabado, as asas não impactaram e o reveal só revelou uma maquiagem simples de mais para uma final. Era um momento importante de mais para ser tão pouco planejado, ou até mesmo tão simplesmente executado. BOOT!

Esse look merece: 3 coroas!

Nós finalmente temos um vencedor, o primeiro drag king entre as rainhas. Landon mereceu sem duvidas sua coroa e agora carrega a coroa e toda a responsabilidade de abrir portas para toda uma geração de Kings. Para mim, essa final foi bastante acirrada e por pouco Dollya não levou a coroa, porém Landon além de ir bem nas três categorias possuía um histórico consistente e cravejado de wins. VIDA LONGA AO REI!

Com isso temos mais uma temporada de Dragula e até o ano que vem morreremos de saudade de nossas monstras. Mas, um rumor começou a surgir nas redes sociais de Maxi Glamour, nada esta confirmado, mas segundo a queen, o All Monsters é real e está próximo. Quem você gostaria de ver retornando a vida e conquistado a coroa?

Esse episódio merece: 3.5 coroas!

Leia mais sobre a terceira temporada de Dragula aqui. Vejo vocês nos comentários dos looks do All Stars 5! Byeeeeeeeeeee…
Compartilhe!
Continuar lendo

Season 03

Dragula S3 | Landon Cider, o drag king que provou que arte drag é para todos

Publicado

on

Landon Cider foi a grande revolução da terceira temporada de Dragula. Além de ser uma das primeiras mulheres cis a participar do show, sua arte é inédita neste tipo de competição, pois Landon é um Drag King.

Antes da temporada estrear muitos se perguntaram como seria a dinâmica de um rei no meio de tantas rainhas: seria possível avaliar da mesma forma? Embora a proposta de um rei seja evocar a masculinidade todos os elementos drags tradicionais estão ali: maquiagem, tuck, enchimento, peruca. Então Sim, a resposta para a pergunta anterior já tivemos nos primeiros minutos da S3, quando vimos Landon em toda sua glória comendo aranhas vivas sem hesitar.

>  #65 | O que é Dragula?
>  Dragula | Primeira temporada: melhores momentos

Dali em diante assistimos semana após semana a ascensão de Landon. Depois de sua primeira vitória ficou evidente que o rei estava em outro patamar no jogo, praticamente sem competição a sua altura. Claro que nem tudo foram flores e tivemos alguns tropeços no caminho, tipo o look de tritão que achei bem ruim, ainda assim não foi algo que queimasse o histórico do king.

Outro triunfo de Cider é seu carisma arrebatador quando desmontado. Não tem como não se encantar pela calmaria do seu modo de falar e agir, que nos traz paz e serenidade instantaneamente. (Eu amaria ficar horas conversando e rindo com Landon).

>  Dragula S3 | Comentários e looks da grande final
>  Dragula | Terceira temporada ganha data de estréia

O rei também é um mestre na arte de resolver conflitos. Todas as tretas da temporada que Landon presenciou, ele tentou resolver da melhor forma possível, de forma educada e sem alimentar mais desavenças.

Após a eliminação de Hollow, mesmo as queens dizendo que Eve exagerou na sua reação às críticas, Cider saiu em defesa da sister, falando como tal conduta ativista e barulhenta faz parte da arte de Hollow e que por isso ela deveria ser respeitada e compreendida. Em outro momento, ao falar de sua mãe, Landon se emocionou e ficou evidente como essa relação o ajudou a moldar o rei que adoramos assistir.

>  Dragula | Boulet Brothers anunciam terceira temporada e mês de estreia
>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 06

De modo geral, o desempenho de Landon foi o mais consistente da competição, nunca ficando entre as piores da semana. O rei nos deixava ansiosos para ver seus looks incríveis que nos deixavam boquiabertos semanalmente… o médico louco e o lobisomem foram um dos meus favoritos. O que fez Cider ganhar (meu) título de Monstro Rei dos Reis.

E assim com 3 Vitórias e 1 Extermination, Landon Cider chega ao top 3 com o melhor desempenho da temporada e da história da competição até agora. Mas isso será suficiente para que a coroa seja dele? Descobriremos seu destino na noite de Halloween!!!

Veja também:

>  Dragula S3 | Top 3: Dollya, a herdeira da Black Haus
>  Dragula S3 | Priscilla Chambers, a rainha que desabrochou do lixo

Para ler mais notícias sobre a S3 de Dragula clique aqui.

Compartilhe!
Continuar lendo

Season 03

Dragula S3 | Top 3: Dollya, a herdeira da Black Haus

Publicado

on

Dollya Black chegou na terceira  temporada de Dragula com uma grande missão: honrar o legado de sua mãe Drag, Victoria Elizabeth Black, matriarca da Black Haus que chegou no top 3 da segunda temporada. E já no primeiro episódio a rainha honrou sua casa vencendo o desafio principal. Dali em diante, Dollya mostrou que não era apenas um rostinho bonitinho, mas uma competidora feroz que suas rivais deveriam prestar atenção.

Com looks deslumbrantes e uma personalidade afrontosa, Dollya manteve-se consistente na competição semana após semana com alguns deslizes no percurso. Já no início se estranhou com Maxi por algo que se equivocou: Black achou que Glamour estava fazendo fofoca com seu nome quando na verdade a queen tinha apenas pedido para não comentarem de seus fracassos. Ali então se instaurou uma perseguição constante contra Maxi, mas que foi superada por barracos com outras drags.

>  Dragula | Terceira temporada ganha data de estréia
>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 07

Com isso Dollya conquistou o (meu) título de a Monstra Barraqueira da Temporada, pois ela arrumou treta com várias queens: bateu boca com Hollow Eve, Priscilla Chambers e até sua “avó Drag”, Maddellyn Hater. O que deixou em muitos fãs a impressão de ser uma pessoa chata e mimada que não aceita ser contrariada. Mas nada disso tirou seu foco do jogo, mesmo se indispondo com as suas irmãs de competição, Dollya conseguiu entregar boas performances e looks deslumbrantes.

Contudo, não só de louros foi a passagem de Dollya que por um golpe de sorte se esquivou da merecida Extermination no episódio Dungeons & Drag Queens. Se Black não tivesse achado a chave que lhe concedeu imunidade, com certeza, ela teria caído na exterminação e talvez não tivesse prosseguido no jogo.

>  Dragula | Boulet Brothers anunciam terceira temporada e mês de estreia
>  Dragula S3 | Comentários e looks da grande final

Dollya com seu histórico de 2 Vitórias e 1 Extermination, provou que ser novinha nunca será um problema quando se tem grana, talento e uma personalidade ácida. A filha de Victoria Black ganhou seu merecido lugar no top 3 e chega na grande final sedenta pela coroa, será que ela leva? Descobriremos seu destino na noite de Halloween!!!

Veja também:

>  Dragula S3 | Priscilla Chambers, a rainha que desabrochou do lixo

Para ler mais notícias sobre a S3 de Dragula clique aqui.

Compartilhe!
Continuar lendo

Season 03

Dragula S3 | Priscilla Chambers, a rainha que desabrochou do lixo

Publicado

on

Priscilla Chambers passou metade da terceira temporada de Dragula meio apagada, comendo pelas beiradas até finalmente ser notada pelas Boulet Brothers. Mas ela em nenhum momento nos permitiu subestimá-la. Seu talento, arte e muito conceito estavam ali, apenas precisando do momento certo para desabrochar.

O percurso de Priscilla foi bem tortuoso, pois se em um episódio a queen ficava numa boa colocação, no seguinte ela quase ia para a exterminação. E assim de forma bem inconstante ela foi se mantendo no jogo.

>  Game | Dragula vs Rupaul’s Drag Race | Resultado Segundo Round
>  Dragula | Terceira temporada ganha data de estréia

Um dos momentos mais tensos de Chambers foi quando ela decidiu confrontar Dollya, sem motivo algum, sobre sua conduta na competição, dizendo que a sister era falsa pois falava mal dela pelas costas e na sua presença se fazia de amiga. O que parecia ser uma discussão séria revelou-se uma briga de adolescente, pois vimos uma Chambers ressentida com Black por ter entrado na competição, aparentemente, de forma fácil. No fim as duas se entenderam, mostrando que monstras também tem coração.

>  Dragula | Primeira temporada: melhores momentos
>  Dragula S03E02 | Floorshow | Vampiros & Burlesque

Mesmo com uma trajetória de montanha russa, a hora de Priscilla brilhar foi em seu momento mais crítico na competição. Na sala de trabalhos com suas irmãs, Chambers contou sobre sua história de vida, dos ataques homofóbicos que sofreu em sua cidade natal, até chegar no fundo do poço após sair de casa.

Foi a arte drag que a salvou de uma vida miserável. Então no desafio de costura em que as drags criaram looks com materiais de lixo, a flor da rainha finalmente desabrochou e mostrou todo seu potencial para as Boulet Brothers que ficaram encantadas.

>  Landon Cider, o primeiro Drag King em um reality americano
>  Dragula S3 | Landon Cider, o drag king que provou que arte drag é para todos

Por isso Priscilla ganhou o (meu) título de Monstra do Sobe e Desce, pois seu histórico no show teve vários destaques positivos e negativos, colecionando ao todo 1 Vitória e 3 Exterminations.

Mesmo assim, a rainha conseguiu chegar no top 3 entregando conceito e uma história de vida inspiradora, nos fazendo perguntar: será que a coroa da terceira temporada cairá em sua cabeça? Descobriremos seu destino na noite de Halloween!!!

Veja também:

>  Dragula S3 | Top 3: Dollya, a herdeira da Black Haus


Para ler mais notícias sobre a S3 de Dragula clique aqui.

Compartilhe!
Continuar lendo

Moda

Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 08

Publicado

on

Hello uglies! voltamos para comentar mais um episódio e os looks do reality mais repulsivo da internet. Dessa vez, vamos fazer uma versão resumida do episódio 08.

Bem, estamos chegando ao final dessa saga, a terceira temporada foi de longe a melhor produção mais bem feita das Boulet Brothers, carinhosamente apelidadas de boletos brothers e irmãs bolinha pelos fãs brasileiros, mesmo eu ainda tendo um lugar especial para a segunda temporada no meu coração, a terceira vem sendo muito boa e garantindo meu entretenimento nas terças-feiras (as vezes na segunda, sexta, ou qualquer dia em que a amazon decidir vazar o episódio).

EP 08 ESPECIAL DE HALLOWEEN

Diferente das outras temporadas, não teremos uma grande viajem, seguida de um desafio externo em um grande show ou festival, as coisas aconteceram ali mesmo no estúdio, mas as Boulet providenciaram para que não deixasse de ser algo especial, o tema escolhido para essa semifinal foi o Halloween. Só pelo tema podemos esperar montações bem ao estilo party city, com temas bem crus e com ar de fantasia, o que seria super interessante se os participantes dessa temporada não estivessem entregando isso em todos os episódios.

No boudoir, antes mesmo do tema ser revelado, reparamos que Dollya e Landon já não estavam exatamente confiantes sobre a volta de Evah, o retorno de Priscilla e Louisianna faz nossa ficha cair de que já estamos prestes a nos despedir de mais um temporada de dragula e essas 4 sobreviventes precisariam se esforçar muito para chegar no top 3.

O desafio da semana era apresentar um look de Halloween, inspirado no universo dos monstros que cercam o feriado, dublar pela sua permanência no programa e customizar uma abobora que seria apresentada no palco.

ATENCION COMPETITORS, THE FLOORSHOW IS ABOUT TO BEGIN!

Dollya Black

Dollya realmente fez um trabalho espetacular, para o primeiro episódio. Mesmo sendo um visual super trabalhado, com objetos de cena interessantes, ainda era mais do mesmo, na verdade, uma mistura de tudo o que Dollya já apresentou nessa temporada: Bombshell, olho duplo, maquiagem corporal, cabelão, etc.

Durante as críticas Dollya revelou que não achava preciso, ou não foi instruída para fazer tal coisa, interpretar o personagem durante a performance, o que é algo obvio. Sua energia estava mais baixa que o normal, eu entendo que por um lado é exaustivo estar oito episódios na luta, tendo que produzir visuais, lidar com o drama da TV, estar longe de casa e ainda aguentar a Priscilla, mas estamos na semifinal, a hora de mostrar tudo para que veio era agora. TOOT! 

Esse look merece: 3.5 coroas!

Landon Cider

Bem, estamos diante de um dos melhores looks do programa. São tantos detalhes, o simbolo escolhido por Landon, a barba branca, os pelos desenhados a mão, as fases da lua no cap, o reveal, o chocolate na cueca, muitas coisas complementavam o look e a performance do king que em nenhum momento ficou com má edição.

Sua performance no lip sync foi um pouco decepcionante, mas estávamos diante de 3 rainhas que estavam dando tudo de si e é preciso compreender que a dublagem de um king ainda não é algo que estamos acostumados e talvez ainda não parece interessante para se ver na TV (a câmera não estava exatamente focando nele na maioria dos momentos). Mas de qualquer forma o look realmente extrapolou as expectativas! SHOOT!

 

Esse look merece: 5 coroas!

Louisianna Purchase

Eu preciso dizer que amei esse visual, amaria mais ainda se fosse algo do começo da temporada. Lou teve sua ultima chance de impressionar aos jurados e as Boulet, para essa semifinal ela deveria apresentar algo realmente opulento e que nos tirasse das cadeiras, conquistando assim seu tão suado win. Bem, não foi o que aconteceu, Louisianna foi fiel as suas raízes, tinha seus truques na manga, um gliter, o 666 com a franja foi realmente genial, os chifres de cabelo e a performance com fogo no palco não mudam o fato de  que apresentou algo bem contido ao seu universo, mesmo amando a performance e o look eu confesso que esperava um pouco mais.

Durante a dublagem Louisianna foi minha favorita, ela se move muito, trouxe energia para a música, porém deveria ter se planejado para não ficar atrás da Dollya em pelo menos 80% do tempo.

Esse look merece: 3.5 coroas!

Priscilla Chambers

Priscillão conseguiu seguir o caminho contrário de Dollya, sua performance foi totalmente guiada pelo seu personagem. Eu pessoalmente amei toda questão com corrente elétrica e o fato de que a personalidade caipira casa com tudo o que Priscilla mostrou durante a temporada. Mas vamos ser sinceros, o look está longe da altura de uma semifinal, mesmo sendo uma versão do monstro já conhecido, existiam diversos caminhos para se pegar. Como não posso, nesse caso, julgar o acabamento, pois não tem como saber até que ponto foi proposital, eu julgo pela falta de detalhes do visual. Dos quatro apresentados na noite, esse foi de longe o menos empolgante.

Seu lip sync estava muito bom, alguns splits me passaram a ideia de desespero, mas Priscilla entregava cada palavra e cada movimento no ritmo certo. Durante o julgamento as Boulet criticaram seu visual mas amaram a performance e o clima que ela conseguiu criar com sua atuação, o que foi inegavelmente o ponto forte de tudo o que a queen fez nesse episódio.

Esse look merece: 3 coroas!

Landon conquistou seu terceiro win, se igualando a queen da segunda temporada James Majesty, porém isso não salvou o king de sua primeira extermination, nesse episódios todos deveriam participar e cruzar um labirinto inspirado nas casas de horrores onde pagamos para levar sustos.

No final do ep Louisianna é exterminada, uma grande perda para a fanbase brasileira, porém isso significa o início de uma grande teoria da conspiração sobre o programa, pois, pelo terceiro ano seguido uma favorita é exterminada antes de chegar ao top 3, espero que recordem da Meatball e da Abhora, deixo vocês aí com essa pulga atrás da orelha.

No próximo episódio teremos a última ceia, onde as queens (e Landon) se reúnem para conversar sobre a temporada e darem sua opinião sobre quem deveria ganhar o programa. Muitas emoções nos aguardam. Na semana de Halloween, finalmente, teremos a grande final, com a apresentação dos três pilares do show: Glamour, Filth e Horror. Para quem vai sua torcida?

Esse episódio merece: 3.5 coroas!

Leia mais sobre a terceira temporada de Dragula aqui.

Toda semana após a exibição de Dragula eu comento o desenrolar do episódio no meu twitter, me segue por lá para comentar o episódio junto comigo. Meu perfil é o @dragliciouz. Até semana que vem!

Compartilhe!
Continuar lendo

Moda

Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 07

Publicado

on

Hello uglies! Após alguma semanas de atraso, causadas pelas confusões que Amazon nos fez atrasando e adiantando os episódios, nós voltamos para comentar os episódios e os looks do reality mais repulsivo da internet. Dessa vez, vamos fazer uma versão resumida do episódio 07.

Com a obvia eliminação de Madd, as queens mal se questionaram sobre quem voltaria ao boudoir, assim que Priscilla chega ela conta como foram eletrocutadas durante a exterminação. As queens (e o king) logo se dão conta de o final da competição se aproxima e agora restam poucas concorrentes na corrida pelo banho de sangue, sabendo disso, com uma atitude muito saudável, elas (e Landon) se question sobre quem gostariam de ver no top 3. Todas as queens presentes apontaram Landon como um candidato forte o suficiente para chegar a final, depois dele, Evah foi bastante citada, Dollya a menos creditada entre os demais.

EP 07 FREAKSHOW

Os participantes são chamados ao palco principal e as Boulet passam a excitante missão de reproduzir um circo de horrores, cada um precisará criar seu personagem bizarro e demonstrar sua esquisitice no palco, bem no estilo American Horror Story: Freakshow! Uma outra exigência do desafio era incorporar uma peruca fornecida por um patrocinador do programa.

Ao voltarem para o boudoir, Priscilla se sentiu desocupada e resolveu puxar briga, mais uma vez, com Dollya. Dessa vez a pauta em questão era o concurso externo promovido pelas Boulet Brothers, chamado Dragula World, segundo a tradição quem ganha ou vai longe desse concurso de boate tem muitas chances de entrar no programa, no ultimo ano, por exemplo, teve como finalista Abhora e Biqtch Puddin como vencedora. Enfim, toda a briga foi pelo fato de que Priscilla se esforçou bastante para ser notada pelo concurso e Dollya disse que não sentia a necessidade de participar. Com isso Priscilla desqualificou Dollya, pois sua participação no programa se dava pelo fato de sua mãe, Victoria Elizabeth Black, Finalista da segunda temporada.

Porém ao se deparar com tamanha revolta de sua colega, Dollya resolve abrir o jogo e conta que escolheu se afastar de todas as sisters para que brigas como estas não acontecessem. Dollya estaria focando na competição e na sua performance e insultos como estes não afetariam sua postura.

Dollya Black

Dollya mostrou todo seu foco com uma apresentação incrível, além de todo o ar Creep que ronda uma mulher super-forte ela ainda conseguiu tornar a performance engraçada com um reveal de peruca, incorporando parte do desafio, e com um reval inédito de pelo nas axilas.

A paleta de cores escolhidas era muito circense, sua maquiagem assinatura é tão empolgante que ainda não soa repetitiva, todos os complementos de joias e piercings deixava tudo ainda mais entusiasmante, principalmente por se tratar de uma personagem feminina. Minha única critica seria nos enchimentos dos músculos que precisavam de uma trabalhada para parecerem mais realistas, mas sabemos o quanto o trash faz parte dessa competição. TOOT!

Esse look merece: 4 coroas!

>  Dragula S03E02 | Floorshow | Vampiros & Burlesque
>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 07

Landon Cider

Essa montação do king atinge um nível altíssimo de técnica, a maquiagem estava simplesmente perfeita e a roupa era magnifica. Esses elogios sobre o esforço e detalhismo de Landon não são recentes, o brother não veio para brincar e sinceramente ocupa um nível muito alto enquanto competidor.

Sobre o look e a esquisitice, podemos dizer que o conceito era 100% e a execução foi algo entre 80% e 85%. É compreensível que na TV tenha toda essa questão de ‘como vamos mostrar um pênis’, já que nem menstruação foi mostrado, por isso é compreensível que certos limites foram estabelecidos alí. Fora isso, existem várias questões que poderiam ser melhoradas nessa parte dos membros, mas tudo bem, Landon entregou muita coisa além em questão de performance. Toda a burguesia e soberania do homem de três pênis, comendo seu banquete, comendo vidro, estava tudo em cena. TOOT!

Esse look merece: 4 coroas!

Louisianna Purchase

Ok, primeiramente, esse look estava divino, era uma elevação de tudo o que vimos da Lou. As cores eram bem diferentes do que estava passando pelo floorshow naquela noite, era original e ainda soava no tema. A silhueta, apesar de não ser inédita, coube perfeitamente na apresentação e ainda complementava o penteado como uma continuação fluída e glamurosa.

Nem precisamos falar do quão vazio foi sua apresentação, Louisianna é conhecida por ser uma artista burlesque com vários truques envolvendo flexibilidade, esse definitivamente era o momento para mostrar tudo isso. Para o look é um Toot!

Esse look merece: 3.5 coroas!

Priscilla Chambers

Priscilla tinha várias referencias interessantes para a apresentação, seu look estava dentro da temática e era até bem trabalhado para algo tão costume. Toda a questão do trocadinho com os pregos e os dentes serem parte da aberração estava presente e bem entendido, porém ficamos esperando por um gag que fosse além dessas coisas que estavam obvias desde o começo.

A coisa da boneca e da peruca, para mim, foi uma solução até inteligente, porém, a boneca teve não nenhuma participação memorável na performance, era apenas um suporte para a exigência da prova. BOOT!

>  Dragula S3| Comentários do Episódio 01
>  Primeiro teaser da 3ª temporada de Dragula é divulgado

Esse look merece: 3 coroas!

Evah Destruction

Para a surpresa de todos Evah conseguiu uma péssima performance, logo no desafio que parecia ser feito para ela. Para quem não sabe, Evah ficou famosa por sua performance de palhaço, portanto, quando falaram o tema do episódio, logo pensei que Evah faria um palhaço cujo a bizarrice era não conseguir parar de rir.

Decepcionando os fãs, as Boulet Brothers e toda uma geração de palhaços pelo mundo, Evah representou uma doce garotinha com um vestido feio que sapateava  e tinha uma irmã gêmea siamesa grudada no peito (????). Isso tudo com uma execução pobre, um sapateado longe de ser interessante, beirando a ser um desrespeito com o próprio programa. BOOT!

Esse look merece: 1.5 coroa!

Nestre episódio tivemos a participação especial da primeira vencedora do show, supermonster original, Vander Von Odd! Duarante as deliberações Landon foi criticado pela execução, Priscilla e Lousianna pelo espaço em branco que sua performance deixou, Evah basicamente esqueceu a noção em casa e também foi detonada pelos jurados.

O placar do episódio ficou assim: Landon conseguiu um safe, Dollya, para a raiva da Priscilla, ganhou seu segundo desafio e avança para o top 4, todas as outras, Priscilla, Louisianna e Evah, estavam na exterminação.

>  Dragula S3 | Comentários e looks da grande final
>  Dragula | Trailer da terceira temporada é revelado

Durante o julgamento as Boulet também deram a chance para que as queens falassem sobre o programa, Lousianna disse, sem confiança, que gostaria de ganhar a competição, Priscilla disse que gostaria que Dollya deixasse a competição, Dollya se defendeu explicando que se via como um ser em particular e que estava se esforçando e focando na competição, Evah, por sua vez, disse que era muito perfectionista e estava lutando para aplicar suas skills na competição.

As queens do bottom, teriam de grampear notas em sua pele, uma extermination como essa depende bastante de psicológico e resistência a dor, com toda essa pressão Louisianna da uma pequena surtada no boudoir. Durante a prova de resistência todas as queens parecem segurar o choro e aguentar a dor, até que Lou desmaia e deixa todos apreensivos, já que, entre as queens do bottom, ela é a única sem nenhum win.
No final descobrimos que Evah, a queen com mais wins colecionados entre as participantes da extermination, saiu do show. Evah, estava colecionando bottons e lows desde seu ultimo win, a queen parecia realmente não entender certos desafios e ficava bem abaixo do esperado comparada às outras participantes.
>  Landon Cider, o primeiro Drag King em um reality americano
>  Game | Dragula vs Rupaul’s Drag Race | Resultado Segundo Round
Com isso temos mais um episódio de Dragula e o final está bem próximo, no próximo episódio já teremos nosso top 3 confirmado!

Esse episódio merece: 3.5 coroas!

Leia mais sobre a terceira temporada de Dragula aqui.

Toda semana após a exibição de Dragula eu comento o desenrolar do episódio no meu twitter, me segue por lá para comentar o episódio junto comigo. Meu perfil é o @dragliciouz. Até semana que vem!

Compartilhe!
Continuar lendo

Moda

Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 06

Publicado

on

Hello uglies! Após algumas semanas de atraso, causadas pelas confusões que Amazon nos fez atrasando e adiantando os episódios, nós voltamos para comentar os episódios e os looks do reality mais repulsivo da internet. Dessa vez, vamos fazer uma versão resumida do episódio 06.

Após uma triste eliminação no ultimo episódio, Dragula volta com uma grande missão: continuar a temporada sem Hollow Eve. A queen era uma grande personalidade que movimentava o boudoir gerando discussões e questionamentos. Outro grande desafio é superar o último episódio, cheio de looks incríveis e participações maravilhosas.

EP 06 HOSPITAL DO HORROR

Logo no começo os competidores discutem sobre a eliminação de Hollow e seu posicionamento durante o ultimo episódio. Dollya se sentiu incomodada pelo som pedante de Hollow, já Landon, como mulher cis, disse que algumas vozes precisam falar mais altas e soar mais agressivas que as outras, para que possam ser ouvidas. No final das contas Eve sempre será um personagem icônico que está abrindo portas para várias expressões artísticas.

A sirene do recreio toca e as Boulet soltam a bomba: O desafio da semana será criar um look baseado em hospital de horror e os competidores terão de posar para um photoshoot dentro de um hospital abandonado. Assim que todos voltam para o boudoir, Louisiana compartilha uma história sobre quando ficou doente e pelos seus trejeitos os médicos pediram um teste de HIV, ao saber disso sua mãe ameaçou expulsa-la de casa. Dollya também compartilhou sua história sobre aceitação de seus pais, como eles se arrependem e agora apoiam sua carreira drag.

Durante a semana do episódio Louisianna participou de uma incrível campanha de sua cidade sobre prevenção de HIV:

Let’s get pooky spooky:

Dollya Black

Dollya se inspirou em ”Ilha do Medo” e nos tratamentos com sangue suga, eu realmente consegui enxergar tudo disso lá, porém o look era muito pedestre comparado as outras queens e até mesmo comparando com qualquer look da própria Dollya.

Seria basicamente uma peruca loira e uma roupa de hospital se Dollya não desse tudo de si nas fotos e conseguisse shoots interessantes que conversassem com seu personagem. Porém, não podemos deixar passar que além de bem simples Dollya ainda teve o descuido de fazer uma publi da Kanvil Klein e mostrar sua cueca durante a Runway, Antes fosse uma fralda geriátrica, assim ao menos conversaria com o tema hospitalar. Toot, mas só pelo conceito…

Esse look merece: 3 coroas!

Maddelynn Hatter

A inspiração de Madd foram as enfermeiras sexualizadas dos filmes clássicos de terror. Nessa semana, mais uma vez, a queen usou uma peruca vermelha, mas dessa vez eu consegui interpretar de uma forma diferente e menos exigente: Madd está apenas se divertindo dentro do programa!

O look da queen foi extremamente genérico e parecia barato, seu reveal lembrava o conceito de sua montação do segundo episódio, pois além de toda a referencia trash de enfermeira de terror, sua personagem também era demoníaca (???).

Não precisamos falar de que era um macacão e uma capa né? BOOT.

Esse look merece: 2.5 coroas!

Landon Cider

Landon, por sua vez, se inspirou em uma critica sobre a medicina ocidental que tem o foco em busca pelo conhecimento. Seu médico louco transmitia todo o conceito que o king imaginou. Como sempre rico em detalhes, Landon possuía uma grande quantidade de acessórios mas mesmo assim tinha um visual bem editado.

O ponto alto dos detalhes foi sem duvida a lace em volta do cérebro que saltava em sua cabeça, tudo isso mostra como Landon pensa milimetricamente sua estética. Mesmo achando que o king sempre carrega um constante ar de party city, com algumas montações que mais parecem fantasias, é impossível negar o grau de complexidade e criatividade em que ele trabalha. SHOOT!

Esse look merece: 4 coroas!

Louisianna Purchase

Lu Lu, estava realmente incrível, por mais simples que possa parecer seu visual uma segunda olhada revela vários detalhes e te leva para o universo da enfermeira de doces do mal, que carrega um fígado no lugar de chocolates e uma pelúcia macabra. Seu personagem era um dos mais interessantes e suas fotografias ficaram incríveis, porém já estamos chegando na reta final e Louisianna precisava de algo que saísse de sua zona de conforto e surpreendesse a todos.

Sua performance, no geral, foi muito interessante, durante o floorshow dava para ver todo o esforço de Louisianna em interagir com os elementos, estava tudo em ordem e a queen mereceu muito seu high. TOOT!

Esse look merece: 4 coroas!

>  Dragula S3 | Landon Cider, o drag king que provou que arte drag é para todos
>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 07

Priscilla Chambers

Priscila foi de longe a mais criativa dessa semana, além de explorar a folclórica doença da vaca louca, ela ainda por cima trouxe uma maquiagem bem diferente. Bem, no conceito estava tudo maravilhoso, todos sabemos que a execução foi bem abaixo do esperado e não fez jus a todo o esforço da queen.

Dentre os defeitos podemos destacar a barriga mal planejada, a falta de ‘roupa’ ou elementos em seu corpo também puxou o visual um pouco para baixo e dentro desse ‘universo bovino’ existem várias coisas para serem exploradas que Priscilla poderia levar para sua apresentação.

Sua fotografia, por outro lado, estava até interessante, principalmente quando a queen revelou que seu ‘objeto de cena’ era um cadáver real de um bezerro natimorto. Boot consciente de um conceito shoot.

Esse look merece: 3 coroas!

Evah Destruction

Nossa pequena Evah (Evah), também optou por referenciar estéticas clássicas de filmes de terror de hospitais, na verdade, jogos de terror de hospitais, com uma provável ligação ao Silent Hill. Porém, para o azar de Evah seu look passou longe das assustadoras enfermeiras do jogo. A queen, mais uma vez, mostrou um visual básico e nada interessante. Ao lado de um médico louco por conhecimento e uma fantasma doceira, a enfermeira com tumores expostos ficou apagada.

Suas ficaram interessantes e o fato dela incorporar a monstruosidade da personagem durante os ensaios nos mostra o quanto Evah é dedicada em suas performances. Infelizmente não estamos recebendo o mesmo empenho nos looks: BOOT!

Esse look merece: 3 coroas!

Neste episódio o Top foi formado por Dollya, Lousianna e Landon que garantiu seu segundo Win! O bottom foi formado por Evah, que foi salva, Priscilla e Madd, que foram para a extermination.

Neste episódio a prova de extermination era uma versão gigante do jogo Operando, em que os jogadores precisam retirar partes do corpo humano de uma mesa com uma precisão cirúrgica, na versão Dragula, caso a cirurgiã não fosse cuidadosa ela levaria um choque no pescoço. Preciso expressar toda minha empolgação com essa prova pois joguei operando minha infância toda!

>  Dragula | Boulet Brothers anunciam terceira temporada e mês de estreia
>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 04

E assim demos adeus para Madd, que foi morta da mesma forma que a garotinha de ‘Hereditário’ do filme. A queen já estava se esgotando na competição, mostrou para o que veio mas não conseguia evoluir entre as criticas dos jurados e já tinha virado figurante lá no terceiro episódio. Agora restam poucas queens e a final se aproxima, para quem vai sua torcida para levar a coroa e o banho de sangue?

Esse episódio merece: 3.5 coroas!

Confira as fotos do photoshoot no Hospital Abandonado:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia mais sobre a terceira temporada de Dragula aqui.

Toda semana após a exibição de Dragula eu comento o desenrolar do episódio no meu twitter, me segue por lá para comentar o episódio junto comigo. Meu perfil é o @dragliciouz. Até semana que vem!

Compartilhe!
Continuar lendo

Moda

Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 05

Publicado

on

Hello uglies! Após alguma semanas de atraso, causadas pelas confusões que Amazon nos fez atrasando e adiantando os episódios, nós voltamos para comentar os episódios e os looks do reality mais repulsivo da internet. Dessa vez, vamos fazer uma versão resumida do episódio 05.

Os últimos episódios da temporada falaram muito bem a linguagem da nova temporada, um pouco de drama aqui, temas mais criativos que assustadores, porém a terceira temporada está incrível, os participantes estão em um nível muito alto e não ter torcida é quase impossível nessa etapa.

EP 05 RAINHAS DO LIXO

Saímos dos castelos encantados e demos de cara com o lixo mais imundo de hoolywood. Voltamos as raízes do programa e finalmente temos um episódio filth. Com a fanbase em festa o tema do quinto episódio dessa temporada foi o próprio lixo, nesse floorshow as participantes só poderiam usar elementos que poderiam ser encontrados no lixo e ainda por cima só poderiam usar canetinha para completar sua maquiagem, além disso, as queens teriam que dar uma entrevista com Disasterina, top 5 da season 2, falando sobre seu look.

Assim que os participantes voltaram para o boudoir, Priscilla Chambers contou sobre seu passado nas drogas e como o termo ‘trash queen’ remetia aos seus vícios, que a queen luta contra até o momento. Durante uma conversa pessoal sobre o assunto de Priscilla um grande mal entendido fez com que houvesse um drama no episódio. Hollow estava rindo alto, conversando sobre outros assuntos, Priscila já estava se sentindo mal por remexer em seu passado e se sentiu afetada pelas risadas de Hollow. Porém no final tudo foi explicado e as queens seguiram com o desafio.

Dollya Black

Esse look merece: 5 coroas!

Dollya criou um personagem incrível nesse episódio, o visual, além de ser muito trabalhado, contava uma história. A queen ainda usou de uma técnica diferente para complementar a maquiagem de canetinha, com pontilhismo para demarcar áreas sombreadas, o que a destacou das outras. Esse foi de longe um dos meus looks favoritos de todo o programa. TOOT!

Infelizmente sua performance foi um pouco desanimada e na sua entrevista com a Desasterina não houve uma troca interessante, por mais que a queen tenha se esforçado para parecer legal em frente a câmera.

>  The Boulet Brothers Dragula está disponível na Netflix
>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 06

Maddelynn Hatter

Esse look merece: 2.5 coroas!

Maddelynn sabia que seu visual não era um dos melhores, por isso levou uma performance interessante para complementar. Uma silhueta simples e composta de papel, mal remetia ao lixo e muito menos nos fazia pensar que era a Madd por trás. Sua entrevista com a Desasterina foi até interessante, porém Madd foi engolida pela personalidade da queen da segunda temporada. BOOT!

Landon Cider

Esse look merece: 3.5 coroas!

Um grande look muito bem construído, um conceito interessante com uma mensagem por trás. O king se arrastou pela passarela, o que acabou prejudicando seu figurino. Na entrevista ele se levou um pouco a sério de mais, o que tornou suas falas um pouco chatas comparadas as outras. TOOT!

Louisianna Purchase

Esse look merece: 3.5 coroas!

Lousianna segue escutando as críticas e aplicando em seu visual, nessa semana a queen brincou com uma silhueta exagerada, mas o ponto alto do look foram as cores que ajudaram a rainha do burlesque a se destacar das outras. TOOT!

Sua entrevista foi excelente, a queen estava a vontade e conseguia responder rápido as provocações da Desasterina, sendo engraçada e passando uma mensagem sobre se divertir sem precisar de um grande conceito por trás.

>  Dragula S03E02 | Floorshow | Vampiros & Burlesque
>  Game | Dragula vs Rupaul’s Drag Race | Resultado Segundo Round

Hollow Eve

Esse look merece: 2 coroas!

Hollow foi a protagonista do episódio, o look estava parecendo inacabado e não parecia diretamente lixo. Porém a história é muito mais complicada. Se recordarmos do episódio 03, onde Dollya falou dos insetos e absorventes usados de Hollow no congelador, esses absorventes seriam usados nesse floorshow, porém, por regras televisivas, não do programa, Hollow foi impedida de usa-los, tendo que mudar o resultado final do seu visual e ainda sair um pouco abalada pela baixa que sofreu. Porém, fica a seu critério para qual lado levar essas decisões, Hollow poderia deixar essa mensagem de lado e refazer o look com outro tema, garantindo seu lugar na competição e podendo levar a mesma mensagem futuramente como uma winner, ou você pode concordar com a queen, o melhor a se fazer era resistir e persistir com sua ideia inicial. O grande fato é que na TV infelizmente existem regras em torno de certas coisas que são tabus e dentro de uma competição as vezes é preciso dar umas voltas para se dar bem. BOOT!

Em sua entrevista, Hollow soou pedante e em uma posição ofensiva em relação a Desasterina, mal deixou a entrevistadora falar e não conseguiu demonstrar carisma, que era o principal desafio dessa dinâmica.

Priscilla Chambers

Esse look merece: 3.5 coroas!

Priscillão, assim como Dollya, incorporou uma clássica rainha do lixo, com vestido longo e tudo mais, a queen ainda incorporou ao seu aspecto caipira e conseguiu dar mais profundidade a seu personagem. O look era forte e o ponto alto era a cabeça de gambá ali no meio. TOOT!

Sua entrevista foi de longe a melhor e quando ela engoliu o microfone colocou o episódio em um patamar altíssimo, sendo, na minha opinião, um dos melhores de todas as temporadas.

Evah Destruction

Esse look merece: 2 coroas!

Uma semana muito difícil para Evah, é possível sentir que ela realmente acreditava em seu look e na mensagem que ele passava, porém assim que ela entrou no palco ficou obvio o quão pobre e desinteressante ele era. A queen se apoiou em seu corpo para vender um visual que ainda parecia mal acabado, uma bagunça total. BOOT!

A bagunça maior ainda foi sua entrevista que nem se que aconteceu, já que Evah amarelou e deixou Desasterina esperando por qualquer resposta.

Nesse episódio o Top foi formado por Priscilla e Louisianna, sendo Priscilla a vencedora. O bottom foi composto por Hollow, por sua silhueta incompleta e Evah com seu look que realmente estava um lixo.

A extermination, dessa vez, teve como convidadas todas as queens que não ganharam o desafio, só para se divertirem um pouco enquanto Evah e Hollow sopravam barata por suas vidas.No fim do episódio demos adeus a um membro super importante da história do programa, Hollow sempre será lembrada e sua passagem foi um marco na história da AFAB e da cultura drag.

>  Primeiro teaser da 3ª temporada de Dragula é divulgado
>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 04

Eu, assim como uma grande parte da fanbase, esperamos que tudo seja explicado na ultima ceia, Hollow dando sua versão e as Boulet explicando sobre as regras da TV. Caso contrário, toda a situação que se passou foi apenas uma grande armadilha para punir uma artista que queria passar sua mensagem feminista.

Esse episódio merece: 4 coroas!

Leia mais sobre a terceira temporada de Dragula aqui.

Toda semana após a exibição de Dragula eu comento o desenrolar do episódio no meu twitter, me segue por lá para comentar o episódio junto comigo. Meu perfil é o @dragliciouz. Até semana que vem!

Compartilhe!
Continuar lendo

Moda

Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 04

Publicado

on

Hello uglies! Após alguma semanas de atraso, causadas pelas confusões que Amazon nos fez atrasando e adiantando os episódios, nós voltamos para comentar os episódios e os looks do reality mais repulsivo da internet. Dessa vez, vamos fazer uma versão resumida do episódio 04.

Os últimos episódios da temporada falaram muito bem a linguagem da nova temporada, um pouco de drama aqui, temas mais criativos que assustadores, porém a terceira temporada está incrível, os participantes estão em um nível muito alto e não ter torcida é quase impossível nessa etapa.

EP 04 DUNGEONS & DRAG QUEENS

Se você não namorou durante a adolescência ou foi uma criança dos anos 80 provavelmente  você já ouviu falar em dungeons & dragons, um RPG que envolve criação de personagem e aventuras por uma história fantasiosa. Para a alegria de todos os nerds o quarto episódio teve o jogo como tema do floorshow, os participantes tiveram que criar um look inspirado em personagens fantasiosos escolhidos pelas próprias Boulet Brothers.

Antes do floorshow começar, as queens (e Landon) receberam a missão de achar a ‘chave da vida e morte’ que estava escondida no boudoir, a chave daria poderes para quem a achasse usa-los durante o episódio. Dollya Black foi a sortuda da vez e disse que não teria problema problemas em mandar alguém que ela não goste para a extermination.

Esse episódio também representou uma grande parte da cultura do programa: desafios externos. Todas as temporadas possem no minimo um episódio fora do estúdio e todos estávamos ansiosos para saber como isso aconteceria este ano. Então, para todas as nerds e monsters: Let the Floorshow Begin.

Dollya Black – Orc Sacerdotisa

A queen usou bastante próteses faciais, mais tarde disse que sua inspiração foram os whitewalkers de game of thrones, provando que ela mesmo não assistiu a série, nem mesmo sabia o que era um Orc. Mas apesar de tudo, esses personagens podem e devem ser reimaginados. Porém me passou muito pouco sacerdotisa e muito mais dona cabaré.

Sua performance durante o desafio de atuação foi bem medíocre, reações rasas e expressões quase mecânicas.

Esse look merece: 2 Coroas.

Maxi Glamour – Ladino Reptiliano 

Maxi nos mostrou uma interpretação interpretação interessante da parte Ladina do seu personagem, a queen optou por representar uma cigana, o que não é um caminho errado, mesmo o personagem Ladino sendo representado muitas vezes por um arqueiro ou mestre das laminas a cultura cigana já foi ligada muitas vezes a esse aspecto de astucia. O visual era interessante e rico em detalhes, porém a mascara foi a ruína da ranha da poka. Além de atrapalhar sua atuação e fazer com que Maxi se esforçasse o dobro para ter o minimo de expressão durante o floorshow, ela tirou toda a fluidez do figurino.

Esse look merece: 2 Coroas.

>  Dragula S3 | Comentários e looks do episódio 07
>  Dragula S3 | Landon Cider, o drag king que provou que arte drag é para todos

Maddelyn Hatter – Elfo sombrio Necromante

Madd teve um look interessante, porém, comparado as outras participantes, seu visual lembrava mais uma coleção de artigos de halloween da partycity em uma maquiagem tão obvia quanto. O ponto alto era a base que ela escolheu para sua pele, a peruca branca também casou muito bem, mas todo o resto era um pouco previsível. Sua tocha era interessante pelo tamanho e presença, mas seu visual trash roubava um pouco a cena.

Sua atuação não foi de todo o ruim, porém contracenar com Landon e Lousianna, que conseguiram imprimir diferentes estilos em sua performance, fez com que Madd parecesse um pouco mais fraca do que realmente foi.

Esse look merece: 2 Coroas.

 

Landon Cider – Elfo Barbaro

Landon nos mostrou como arrasar em um desafio, além do visual extremamente fantasioso e detalhado, sua atuação foi descente e notavel, seu look lembrava muito um cossplay, mas acredito esse era o momento para fazer algo do tipo.

Esse look merece: 4 Coroas.

Louisianna Purchase – Elfo Sacerdotisa 

A fan favorite brasileira mostrou sua evolução em mais um desafio do programa, dessa vez nos apresentou um look bem editado que se encaixa no universo do desafio e também no universo de sua drag. A maquiagem colorida e a prótese na orelha entregou a caracterização, mas não podemos negar que sua atuação foi o ponto alto de sua performance nesse desafio. Sem levar o texto a sério e com expressões exageradas, Lousianna conseguiu mas um high em sua trajetória.

Esse look merece: 3 Coroas.

>  Dragula | Boulet Brothers anunciam terceira temporada e mês de estreia
>  Landon Cider, o primeiro Drag King em um reality americano

Hollow Eve – Elfo Sombrio Ladino 

Hollow teve o look mais fiel a o que vemos em jogos e artes relacionados ao D&D, porém na tela da tv as cores não se destacavam e mesmo com uma performance interessante seu visual estava um pouco tímido comparado as outras competidoras. A maquiagem estava impecável, sua atuação foi sem duvidas uma das melhores, sua pontaria era certeira.

Esse look merece: 3 Coroas.

Priscilla Chambers – Elfo Bardo

Priscilla fez um bom trabalho como elfo bardo, assumindo o personagem beberrão e caricato que salvou seu visual simples. A queen usou artifícios clássicos, para não dizer clichês, mas passou muito bem a ideia da personagem.

Esse look merece: 2 Coroas.

Evah Destruction – Guerreiro Reptiliano 

Evah teve de longe a melhor caracterização, bem detalhada, conseguindo equilibrar a vibe cossplay com a monstruosidade de um ser reptiliano. A armadura era muito bem estruturada e contava com detalhes tribais o que enriqueceram ainda mais a construção do personagem. A atuação de Evah estava dentro dos limites do desafio, não foi muito exagerada a ponto de soar com um tom destoante, mas também não foi muito séria, o que faria parecer que a queen não entendeu a vibe do floorshow.

Esse look merece: 4.5 Coroas.

>  Primeiro teaser da 3ª temporada de Dragula é divulgado
>  Dragula | Rumor | Suposto elenco da terceira temporada

Durante o julgamento, Dollya usou a chave da vida e da morte para se salvar da extermination e ficar salva. Landon, Louisianna e Hollow dividiram o high, Evah ganhou e o bottom 2 foi formado por Maddelyn e Maxi. Maxi por sua marcara que atrapalhou se desempenho e Maddelyn ocupou o lugar que seria de Dollya, que se safou com a chave.

A extermination era se defender em um palco enquanto as outras queens arremessavam comida e zombavam de sua performance. Madd achou um pouco humilhante e resolveu surtar com a produção. Passado o momento de raiva da queen, o episódio seguiu e a extermination que parecia algo empolgante foi bem mediana, nos fazendo sentir falta de uma boa e velha guerra de paintball ou luta na lama. Maxi foi eliminada, deixando pra trás uma das melhores cenas de exterminação que o programa já teve.

Esse episódio merece: 3.5 coroas!

Leia mais sobre a terceira temporada de Dragula aqui.

Toda semana após a exibição de Dragula eu comento o desenrolar do episódio no meu twitter, me segue por lá para comentar o episódio junto comigo. Meu perfil é o @dragliciouz. Até semana que vem!

Compartilhe!
Continuar lendo

Moda

Dragula S03E03 | Floorshow | Monstros do Rock

Publicado

on

Hello uglies, voltamos para mais uma semana comentando os looks do ultimo episódio de Dragula. O desafio dessa semana é derivado do terceiro episódio da segunda temporada: Monsters of Rock!

Boulet Brothers

 

Neste episódio nós finalmente nos livramos das lentes brancas e vestidos longos, ainda seguindo a linha de colocar o headpeace como peça central, o que eu particularmente gosto pois cria uma identidade visual para as apresentadoras, as Boulet trouxeram um visual rock’n’roll e sexy para o palco. O que torna a silhueta icônica é a polidez do visual bem editado, na parte de cima temos um volume anguloso e na de baixo as curvas das irmãs. TOOT, mais uma vêz nossa nota máxima para as rainhas.

Hollow Eve

Hollow assumiu uma forma bem monstruosa essa semana, spikes, chifres, rosto deformado, maquiagem escuro, performance com sangue, um pacote completo para o floorshow. O look era interessante, foge um pouco do esperado para o tema do desafio? Talvez, mas não podemos negar que sua performance foi bastante rock’n’roll essa semana. Analisando o look da semana, Hollow ainda parecer um pouco ‘fantasia’ para mim, isso não é algo negativo quando estamos em dragula, porém a silhueta muito carregada não me conquistou por completo, poderia ser um pouco melhor editado, mas ainda sim é um visual muito interessante e com personalidade. TOOT, 4 COROAS!

Landon Cider

Esse é um dos motivos pelo qual ter um drag king na competição é tão entusiasmante, a infinidade de estéticas não exploradas em realitys é imensa, Landon tem uma vasta biblioteca para brincar sem ter medo de mostrar algo repetido, qualquer persona interpretada por ele soará como novidade. O look da semana estava incrível, algo muito próximo do robbie zombie, e outros muitos barbudos do mundo do rock, Landon trouxe um astro direto para o palco. O chapeu com pelucia combinava com a guitarra, que fez parte do gag da performance, as amarras da jaqueta que revelavam a ‘pele’, as franjas que davam movimento junto ao dread da peruca, um verdadeiro show do rock. SHOOT!! 5 Coroas!

Louisianna Purchase

Louisianna trouxe claras referencias oitentistas para o palco, o look estava ok, bem acabado, mas o foco era sua performance, como sempre uma mulher fatal sexy e flexível. E impossível não comentar que o cabelo cacheado deu o pingo nos i’s ao visual. TOOT, 4 coroas.

Maxi Glamour

Preciso confessar que toda essa história da cara azul de Maxi está começando a fazer sentido na minha cabeça, é todo um universo já estabelecido e que a queen se esforça para encaixar nos temas propostos, sobre o look, estava bem poderoso, algo além da roupa e da maquiagem, a participante estava confiante nesse floorshow. A make muito bem acabada, a pedraria da roupa foi essencial para colocar o Glamour em Maxi e ainda diferenciou às demais, a silhueta limpa e bem construída e minha paixão dessa semana foi essa peruca verde, que deveria ‘descombinar’ de tudo que vimos mas estava perfeitamente coesa. TOOT! 4 Coroas.

>  Dragula | Primeira temporada: melhores momentos
>  Dragula S3| Comentários do Episódio 01
>  Dragula | Trailer da terceira temporada é revelado

Evah Destruction

Evah tinha um embasamento, falou suas referencias, uma jaqueta com seu nome… Mas não me convenceu muito. Eu entendo o universo do look, os artistas, principalmente dos anos 80/90, a performance também era bem clara, mas o visual era simples, muito simples, beirando ao clichê, comparado as outras competidoras que também pegaram referencias humanas e mais básicas, Evah ainda assim estava sem personalidade (no visual). Ganhando por sua performance, realmente boa, seu look do desafio principal era mais interessante do que do desfile. BOOT, desculpe evah, 3 coroas.

Yovska

Yovska buscou referencias distantes essa semana, mesmo que visualmente interessante, particularmente eu amei, ainda é algo dificil de entender de onde vêm, o motivo de ser um visual rock’n’roll. Sim, esse é mais um momento Loris/Erika Klash, a queen outsider que mesmo fazendo um bom trabalho esquece de que está em um competição e vai ser julgada por isso, é muito importante passar mensagens claras para que todos consigam entender o que se passa. O look em geral tem sim seus defeitos, a parte de cima é complexa, com glitter, uma maquiagem chamativa, enchimentos e tudo mais, o resto, da cintura pra baixo, é pobre e parece estar ali sem motivo, pois até mesmo o sapato que seria uma peça chave, pareceu desconfortável e desforme. Ainda não é um visual ruim no geral, eu gosto da maquiagem, da peruca principalmente, que parece uma ironia visual, mas tem MUITA coisa ali que não esta conversando. BOOT, 3 coroas.

Priscilla Chambers

Essa é uma aula de como transformar algo simples em interessante, mesmo sendo um visual preto e apoiado no couro, um clichê/clássico quando o assunto é rock, Priscilla conseguiu colocar camadas, dando profundidade ao personagem, não só esteticamente quanto na sua performance, um exemplo disso são as botas que se encontram na cintura, por baixo uma meia arrastão e por baixo a calcinha. A maquiagem da queen vem me conquistando a cada episódio, os detalhes cartunescos como o contorno da boca e as sobrancelhas douradas deram muitos pontos para Chambers essa semana. TOOT, 4 coroas.

Maddelyn Hatter

Maddelyn mais uma vez parece ter parado no meio do caminho, mesmo esse sendo meu look favorito dos que ela apresentou ainda parece faltar alguma coisa. Primeiramente essa peruca vermelha já ficou cansativa. Sua performance ainda é confiante e animadora, a roupa era bonita, os glitters amarelos saltavam e se destacam, as franjas estavam um pouco de mais, mas confesso que para mim funcionaram ao complementar o visual. A questão é que isso tudo sem um contexto claro passava uma mensagem genérica dentro de um look ok. BOOT, 3 coroas.

Dollya Black

Eu não sei se é a minha preferencia por Dolya gritando ou se o look estava realmente bom, mas eu nem fiz questão de ir afundo em uma história por trás do visual. É tudo tão grotesco e bizarro, uma maquiagem tão fora desse mundo, uma lupa enorme no MONSTERS no título monsters od rock. Dollya abandonou sua marca feminina para nos entregar algo mais genderfuck mas que ainda conversa com o universo que a queen vêm nos apresentando. O exagero no tamanho das caveiras, as ombreiras que mal cabiam em seu corpo esguio e os detalhes do figurino davam o ar grotesco que Dollya ianda não tinha apresentado. Para mim esse visual conversa com a proposta que a Hollow nos preparou essa semana, eu sinceramente sinto falta de motivos realmente roqueiros, que nos conecte com a questão musical e não só por ser algo visualmente chocante. Mas mesmo assim está incrível, TOOT, 3,5 coroas!

>  S11E06 | Runway | All That Glitter
>  AS4 | Estilista acusa Gia Gunn de ter lhe dado golpe (pt3)

Neste episódios nós tivemos bons looks, escolhas difíceis e outras divertidas de acompanhar. O tema da semana deu abertura para um foco mais expressivo nas performances, isso é muito interessante de assistir. Algumas queens interpretaram o floorshow de um jeito unico e conseguiram trazer coisas originais e se destacar das demais. Mais um ótimo episódio com visuais ricos e monstruosos. 4 coroas para o Monsters of Rock!

Veja os comentários do episódio aqui.
Leia mais sobre a terceira temporada de Dragula aqui.

 

Compartilhe!
Continuar lendo

Em Alta

We're born naked & the rest is drag. Portal de notícias, humor e babados sobre RuPaul's Drag Race, drag queens, arte drag, comunidade LGBTQ+ e cultura pop. Contato: draglicious@outlook.com | Draglicious 2019 © Todos os direitos reservados.